PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Voos internacionais diretos para Pequim serão liberados nesta quinta-feira

02/09/2020 14h59

Pequim, 2 set (EFE).- A Administração de Aviação Civil da China anunciou nesta quarta-feira que permitirá a partir de amanhã a chegada de voos internacionais diretos para Pequim, que foram suspensos em 23 de março, por causa da propagação do novo coronavírus.

De acordo com comunicado, o órgão indica que serão retomadas nove rotas, provenientes de oito países, que são considerados mais seguros, devido ao registro de uma menor quantidade de infecções pelo patógeno que provoca a Covid-19.

São eles: Áustria, Canadá, Dinamarca, Grécia, Paquistão, Suíça Tailândia e Camboja. Deste último, partirá o primeiro voo para Pequim, proveniente da capital, Phnom Penh, e operado pela companhia aérea Air China.

Desde 23 de março, o órgão de Aviação Civil chinês desviou mais de 1.500 voos que tinham a capital como destino, obrigando que fossem feitas escalas em outras cidades, para que as autoridades de Saúde fizessem os controles dos passageiros ou coordenassem uma quarentena de 14 dias.

Só depois, os ocupantes do avião poderiam se dirigir para Pequim.

Em comunicado, a Administração de Aviação Civil da China indicou serão tomadas rígidas medidas de prevenção para os voos que chegarem à capital, como a limitação de passageiros nas aeronaves e do tráfego de pessoas dentro do Aeroporto Internacional de Pequim.

Caso sejam detectados mais de três positivos para o novo coronavírus em um mesmo avião, a rota será desviada para outra cidade chinesa que tiver feito parte da operação de "escala sanitária" nos últimos meses.