IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

UOL lança Ecoa e foca em pessoas e iniciativas que buscam mundo melhor

Da Redação

01/10/2019 09h30Atualizada em 02/10/2019 14h01

Nova plataforma de jornalismo do UOL, Ecoa nasce com o propósito de fazer jornalismo propositivo e contar histórias de pessoas, empresas e organizações que atuam para construir um mundo melhor. Serão reportagens especiais, grandes perfis, documentários, podcasts, artigos, dicas, entre outros conteúdos.

Alinhada com os objetivos para o Desenvolvimento Sustentável da ONU, a produção de Ecoa tem o objetivo de trazer soluções, educar, instruir e engajar a audiência e, ao mesmo tempo, amplificar o alcance de quem trabalha para fazer deste um mundo melhor.

O conteúdo abrange nove grandes temas: Educação, Saúde, Meio Ambiente, Mudanças Climáticas, Diversidade, Desigualdade, Vida Urbana, Trabalho e Gestão Pública. Elas permeiam todas as 11 seções da plataforma, organizada em três pilares: pessoas, soluções e na prática.

"Em um momento de tanta polarização, Ecoa nasce para unir. Há questões urgentes, como o aquecimento global, desafios de todos os tipos, mas há também muita gente inspiradora agindo, criando, se organizando, resolvendo. Queremos mostrar isso", diz Murilo Garavello, diretor de conteúdo do UOL. "Outra missão que nos colocamos é a de dar dicas práticas, de como cada um de nós pode ajudar. Pequenas ações, adotadas por muitos, têm grande impacto."

Além da produção do site e de seus canais em redes sociais, Ecoa também promoverá encontros entre especialistas e agentes de transformação para discussão de problemas e busca de soluções, ações de networking entre eles e ciclos de produção intensa sobre um tema escolhido.

Conteúdo em seções

Na seção Causadores, serão publicados perfis de quem se dedica a transformar a vida de brasileiros e brasileiras. Já Não erre como eu traz as lições de empreendedores sociais e agentes de transformação à frente de iniciativas de sucesso.

Grande ideia retrata invenções que ajudam a melhorar o mundo, enquanto Fizeram história destaca personagens históricos determinantes para causas essenciais e muitas vezes esquecidos.

Há também espaço para as ações de organizações e da gestão pública, contadas na seção Iniciativas que inspiram, e para as boas práticas empresariais, em Empresas que mudam e Bom pra todo mundo, afinal, a construção de uma sociedade melhor deve envolver a todos.

Dicas práticas são encontradas em Sim ou Não?, que traz a visão de especialistas sobre os dilemas da vida cotidiana, Como fazer, com soluções simples para aplicar no dia a dia, e Final Feliz, sobre filmes, livros e outras produções culturais analisadas pela ótica de Ecoa.

Além disso, a seção Você precisa conhecer lista pessoas relevantes em diferentes áreas de atuação, indicadas por agentes de transformação. É um espaço em constante construção, voltado a conectar pessoas atuantes de todo o Brasil, formando uma grande rede de referências.

O conteúdo reúne ainda blogs, reportagens especiais, documentários, entre outras publicações.

O time Ecoa

Ecoa conta com uma equipe de reportagem fixa em São Paulo e outra de jornalistas colaboradores baseados em vários cantos do país. Além disso, um grupo de curadores contribui sugerindo temas, pautas, fontes e pessoas que podem compor a grade da plataforma. O conteúdo de estreia conta com a expertise da educadora social Bel Santos Mayer, das jornalistas Carol Pires e Livia Duarte, que atuam em comunicação do terceiro setor, e do gaúcho Felipe Denz, que atua em projetos de desenvolvimento comunitário.

A equipe fixa de reportagem é composta por Bárbara Forte, Diana Carvalho, Paula Rodrigues e Rômulo Cabrera, além das editoras Gabriela Metzker e Giuliana Bergamo, do editor-consultor Tony Marlon, e do apoio de equipes de vídeo, foto, design e desenvolvimento.

O time Ecoa se completa com blogueiras e blogueiros que estabelecem, diariamente, um diálogo sobre temas urgentes ao mesmo tempo em que mostram alternativas para essas questões, afinal, há muita coisa boa sendo feita por aí.

M. M. Izidoro traz o podcast "De Boas" para o blog, com histórias inspiradoras de pessoas que venceram dramas pessoais. Milo Araújo debate mobilidade urbana, enquanto Mariana Belmont aborda mudanças climáticas e conexões para viver melhor, e Lia Assumpção trata de consumo consciente com menos plástico.

Propostas educacionais são discutidas com os blogs de Débora Garofalo, sobre aulas criativas, Rodrigo Hübner Mendes, sobre educação inclusiva, e Rodrigo Ratier, com visões, provocações e esperanças do educar. Há ainda a abordagem da Comunicação Não Violenta, com Sandra Caselato, e reflexões sobre o lugar da infância na construção de uma sociedade melhor, com Giuliana Bergamo, editora de Ecoa.

O mundo do trabalho também tem espaço nos blogs: Sérgio Luciano estreia falando de diversidade nas corporações, tema tratado de forma mais abrangente por Mari Rodrigues, que discute gênero e diversidade sexual. Já Júlia Rocha aborda a questão da saúde humanizada, e Patricia Lobaccaro traz uma visão sobre filantropia e impacto socioambiental.

Ecoa conta ainda com duas colunas rotativas, uma destinada a opinião sobre assuntos do momento, e outra, "Contém histórias", com narrativas saborosas de diversos autores.

Que tal entrar nesse movimento?

Você pode participar acessando Ecoa e interagindo no Instagram, no Twitter ou no grupo do Facebook:

Ecoa: http://www.uol.com.br/ecoa
Instagram: https://www.instagram.com/ecoa_uol/
Twitter: https://twitter.com/ecoa_uol
Facebook: https://www.facebook.com/groups/1001206510221456/

Ecoa