PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Mídia e Marketing

Sarah Buchwitz, da Mastercard: Nossa missão é fazer um mundo sem dinheiro

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/12/2020 04h01

A utilização de pagamentos por aproximação mais do que triplicou no Brasil em 2020, principalmente por causa da pandemia causada pelo coronavírus. Mas chegaremos a ter um mundo sem dinheiro físico?

"Nosso objetivo é não ter mais dinheiro circulando pelas ruas. Isso significa um mundo com pagamentos digitalizados, que só traz ganhos para a população. É mais seguro e mais rápido", declara Sarah Buchwitz, vice-presidente de marketing da Mastercard Brasil.

A executiva foi a entrevistada do 66º episódio do podcast Mídia e Marketing, do UOL, publicado nesta semana. No papo, Sarah também comentar como é trabalhar para que a campanha "Não tem preço", slogan da empresa há mais de 20 anos, continue atual.

"O 'não tem preço' é algo tão verdadeiro que poderia ficar para sempre. Ele é perene porque evoluiu junto com o consumidor", diz (no arquivo acima, este trecho está a partir de 8:35).

Marketing como transformação

Formada em Economia, Sarah já atuou em empresas como Kraft Foods, Pepsico e estava na ESPN antes de ir para a Mastercard, em julho de 2017.

"Queria ser política e resolvi fazer faculdade de Economia, mas foi o marketing que me escolheu. E eu acredito muito que o marketing é cultura, é uma coisa muito poderosa. Ele tem nas mãos o poder de transformar as pessoas, as marcas, as famílias. Me apaixonei por esse poder de transformação", afirma (a partir de 21:24).

A executiva conta como foi mudar de um canal de esportes para uma empresa de tecnologia. "Mastercard tem o patrocínio como coração de sua estratégia. Conhecer o esporte me ajudou muito a trabalhar os patrocínios que a gente já tinha. Marketing é entender a necessidade do consumidor, alinhar com a necessidade do negócio, transformar isso em estratégia e transformar a estratégia em ação. Esse pensamento é comum em qualquer lugar", declara (a partir de 25:02).

Este ano, Sarah foi umas homenageadas do Women To Watch, iniciativa idealizada pelo Advertising Age, maior veículo de publicidade do mundo, que seleciona as mais bem-sucedidas profissionais no mundo da publicidade, marketing e mídia.

"Uma pessoa que admiro é a Andrea Alvares, vice-presidente da Natura. É uma pessoa que me inspirou no começo de carreira. Ela sempre foi minha referência de líder feminina e transformadora", diz a executiva (a partir de 27:29).

PUBLICIDADE

Mídia e Marketing