PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Mídia e Marketing

Medalhista olímpica, "fadinha" Rayssa Leal é estrela de campanha da Nike

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/07/2021 12h01

Rayssa Leal, que conquistou a medalha de prata olímpica no skate na madrugada de hoje (26), é a estrela da mais recente campanha publicitária da Nike, divulgada no fim de semana. A atleta, de 13 anos, é a medalhista mais jovem da história do país.

No comercial, a marca pretende mostrar que a "mágica" de se tornar um grande esportista não acontece como num conto de fadas: depende da dedicação de cada um. O comercial foi criado pela agência Wieden+Kennedy SP. Assista:

"Eu fico muito feliz em incentivar outras meninas a iniciarem no esporte. O skate é um esporte feminino também. Quero que outras meninas tenham a mesma oportunidade que eu, de ver suas vidas e seus sonhos sendo realizados por meio do esporte. Nós só precisamos acreditar na gente mesmo e em nosso potencial", afirma Rayssa, em comunicado.

"A jornada da Rayssa é uma inspiração para todas as meninas ao redor do mundo. Mostra que é possível ser criança e acreditar em contos de fadas, mas ao mesmo tempo ter coragem e adentrar em um espaço que antes não era considerado para meninas", diz Gustavo Viana, diretor de Marketing da Fisia, distribuidora oficial da Nike no Brasil.

Por que "fadinha"?

Em 2015, com apenas sete anos, um vídeo de Rayssa realizando uma tradicional manobra de skate fantasiada de fada viralizou na internet. Virou pauta em vários programas de TV e, inclusive, foi ao Esporte Espetacular, da TV Globo, para conhecer sua ídolo, Letícia Bufoni — que virou amiga e companheira de Olimpíada.

O sucesso viral foi a porta de entrada para o mundo do esporte e, aos 10 anos, ela já tinha patrocinadores e sustentava a família com suas manobras. Aos 11 anos, conquistou sua primeira medalha em um torneio internacional. A partir daí, se fincou entre os melhores do mundo.

Atualmente, além da Nike, Rayssa é patrocinada por marcas como Banco do Brasil, MRV e o energético Monster.

PUBLICIDADE

Mídia e Marketing