Bolsas

Câmbio

Funcionários da Vale entram em greve em MG por participação nos lucros

Por Marta Nogueira

Funcionários da mineradora Vale entraram em greve nesta terça-feira (23) em nove unidades nas cidades mineiras de Nova Lima e Itabirito, segundo o Sindicato Metabase de Belo Horizonte, em protesto contra o não pagamento de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) de 2015, algo inédito na história recente da companhia, que lida com a baixa dos preços dos seus principais produtos.

Em nota, a Vale afirmou que desde o início da manhã desta terça-feira está ocorrendo o bloqueio de portarias de diversas unidades operacionais da empresa, localizadas nos municípios de Nova Lima e Itabirito.

O sindicato e a Vale não informaram se o movimento provocou algum impacto na produção.

A Vale, maior produtora de minério de ferro do mundo, disse que vem mantendo negociação com o sindicato para a liberação das portarias.

A empresa confirmou que é a primeira vez desde a privatização, em 1997, que a mineradora não paga qualquer espécie de bônus por desempenho a seus funcionários.

Segundo a Vale, de acordo com os critérios fixados no atual acordo de PLR, o seu pagamento referente a 2015 não é devido.

"Cabe ressaltar que esses critérios estabelecidos no Acordo de PLR foram aprovados pelos sindicatos e pelos empregados em assembleias conduzidas por esses sindicatos", disse a empresa.

As ações preferenciais da Vale operavam em baixa de quase 5% às 13h33, enquanto o Ibovespa recuava 1,4%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos