PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Coluna

Carla Araújo


Carla Araújo

Propaganda do governo que pede fim da quarentena foi feita por olavista

Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

Do UOL, em Brasília

27/03/2020 11h00

Mesmo sem estar oficialmente nomeado, o ex-assessor especial da Casa Civil, Mateus Colombo Mendes, que se define como "olavista e bolsominion", já está coordenando as redes sociais e os portais do Palácio do Planalto e foi o responsável pelos últimos vídeos dos canais oficiais defendendo um afrouxamento na quarentena.

O nome de Mateus deve ser oficializado nos próximos dias no Diário Oficial da União como diretor de comunicação digital da Presidência da República.

No fim de janeiro, Mateus assumiu a assessoria de imprensa da Casa Civil no lugar de Gustavo Chaves Lopes, que desagradou o presidente Jair Bolsonaro ao minimizar o uso de jatos da FAB pelo ex-secretário-executivo, Vicente Santini.

Com a saída do ministro Onyx Lorenzoni para a Cidadania e a chegada do general Braga Netto na Casa Civil, Mateus então foi deslocado para a Secretaria de Comunicação, que fica sob o comando de Fábio Wajngarten, também mais alinhado a chamada ala ideológica do governo.

O novo diretor de Digital costuma tratar a imprensa como oposição e não foge de temas polêmicos em seu Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Carla Araújo