PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Coluna

Carla Araújo


Site de cadastro para receber R$ 600 é suspenso e deve voltar na segunda

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni - ADRIANO MACHADO
O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni Imagem: ADRIANO MACHADO
Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

Do UOL, em Brasília

03/04/2020 16h58

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, reforçou há pouco que o Cadastro Único está suspenso e congelado desde o dia 20 de março e que o site foi suspenso para ajustes de tecnologia que permitam o pagamento do auxilio emergencial de R$ 600.

"Antes tínhamos de 7.000 a 8.000 acessos diários, agora estávamos tendo mais de 300 mil visitantes. Por isso, o sistema caiu e estamos realocando para um lugar que não terá limite de acesso", afirmou.

Segundo o ministro, o site só voltará a funcionar na segunda-feira. Onyx disse que as pessoas que já estão no cadastro não precisam refazer para poder receber o auxílio.

"Os dois pilares são segurança e eficiência e queremos tranquilidade ao taxista, ao vendedor de cachorro-quente, de que eles vão receber", afirmou.

Onyx disse, ainda, que, além das redes bancárias, o governo pretende autorizar o pagamento do benefício em lotéricas. "E pretendemos evoluir para os caixas eletrônicos".

Carla Araújo