Só para assinantesAssine UOL

Ambev (ABEV3) pagará JCP de R$ 0,73 por ação ainda em dezembro

Ambev (ABEV3) pagará juros sobre capital próprio (JCP) aos seus acionistas, conforme comunicado pela companhia nesta terça-feira (12) em documento arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O valor dos proventos por ação ABEV3 será de R$ 0,7302 que serão pagos em 28 de dezembro.

Apenas os investidores com ações da Ambev na B3 (B3SA3) no dia 19 de dezembro e na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) no dia 26 de dezembro terão direito de receber os rendimentos.

As ações e os ADRs da Ambev passarão a ser negociados ex-JCP a partir do dia 20 de dezembro.

Ainda de acordo com a Ambev, o valor dos JCP terá retenção do imposto de renda na fonte, com alíquota de 15%, resultando em aproximadamente R$ 0,6207 líquidos recebidos por ação dacompanhia.

JCP da Ambev

  • Valor recebido por ação: R$ 0,7302
  • Valor recebido por ação (líquido): R$ 0,6207
  • Data de corte: 19 de dezembro de 2023 (B3) e 26 de dezembro de 2023 (NYSE)
  • Data do pagamento: 28 de dezembro de 2023

Ambev (ABEV3): lucro líquido dispara 24,9% no terceiro trimestre, para R$ 4,0 bilhões

A Ambev reportou um lucro líquido de R$ 4,015 bilhões no terceiro trimestre de 2023 (3T23), conforme balanço divulgado no fim de outubro. A cifra representa um aumento de 24,9% em relação ao mesmo período do ano passado.

Continua após a publicidade

Já o lucro líquido ajustado da Ambev ficou em R$ 4,038 bilhões, aumento de 25,1% frente aos R$ 3,229 bilhões registrados no mesmo intervalo de 2022.

receita líquida da Ambev foi de R$ 20,317 bilhões no trimestre, queda de 1,3% frente os R$ 20,587 bilhões registrados no resultado no mesmo período do ano anterior.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado, por sua vez, foi de R$ 6,854 bilhões, aumento de 17,6% ante o número registrado no mesmo período do ano de 2022.

De acordo com a Ambev, o volume no Brasil ficou praticamente estável (-0,1%), uma vez que a queda no desempenho em Cerveja (-1,1%) diante da forte performance dos anos anteriores (3T20 a 3T22) foi compensada por bebidas não alcoólicas (+2,8%).

Nas operações internacionais da Ambev, o desempenho positivo na América Central e Caribe ("CAC") (+13,6%) foi mais do que compensado pela América Latina Sul (LAS) (-9,4%) e pelo Canadá (-13,1%), onde os volumes foram impactados principalmente pelas indústrias em queda.

Entre os meses de abril e junho, o resultado financeiro da Ambev ficou em R$ 837,9 milhões, uma redução de R$ 413,2 milhões em relação ao mesmo período do ano passado.

Continua após a publicidade

"O 3T23 foi mais um trimestre de crescimento e rentabilidade graças à execução consistente da nossa estratégia, com desempenho positivo da receita líquida e alavancagem operacional", disse a CEO da Ambev, Jean Jereissati.

"Por fim, o desempenho do quarto trimestre é sempre crítico dada a chegada do verão na América do Sul, mas estamos confiantes em nossa capacidade de entregar pelo terceiro ano consecutivo uma melhora consistente e contínua em termos de crescimento e rentabilidade, com desempenho orgânico consolidado do EBITDA Ajustado à frente do crescimento de 17,1% entregue em 2022, bem como expansão da margem bruta e da margem EBITDA Ajustado", pontuou a Ambev.

Desempenho das ações da Ambev

Este material foi elaborado exclusivamente pelo Suno Notícias (sem nenhuma participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo nenhum tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco. Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora