Bolsas

Câmbio

ArcelorMittal teve em 2015 perda líquida de US$ 7,946 bilhões

Paris, 5 Fev 2016 (AFP) - O grupo siderúrgico ArcelorMittal anunciou nesta sexta-feira um espetacular aumento de sua perda líquida a 7,946 bilhões de dólares em 2015, provocada pela queda da cotação do minério de ferro, e anunciou um novo plano de reestruturação.

A perda de 2015 representa um forte aumento em relação à sofrida em 2014, que foi de 1,086 bilhão de dólares.

O grupo sofreu uma depreciação de 4,8 bilhões de dólares, principalmente em ativos mineradores.

Em um ambiente marcado pela forte queda dos preços do minério de ferro e pela concorrência da China, a empresa prevê para 2016 um lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (ebitda) de 4,5 bilhões de dólares, abaixo dos 5,2 bilhões obtidos em 2015.

Sua dívida líquida se estabilizou em 15,7 bilhões de dólares em 31 de dezembro, contra 15,8 bilhões um ano antes.

A AcelorMittal anunciou igualmente um novo plano de reestruturação, para melhorar sua margem bruta de exploração estrutural em 3 bilhões de dólares até 2020.

Em paralelo à publicação dos resultados anuais, a empresa anunciou a venda por 875 milhões de euros da participação de 35% que possuía no fabricante espanhol de autopeças Gestamp. O comprador foi o principal acionista deste, a família Riberas.

abb/fpo/avl/ma

ARCELORMITTAL

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos