Iraque quer produzir 1 milhão de barris diários nos campos de Kirkuk

Kirkuk, Iraque, 13 Nov 2017 (AFP) - O Iraque almeja dobrar a produção de campos petrolíferos na província de Kirkuk, retomada dos curdos, a 1 milhão de barris por dia (bpd), disse o ministro de Petróleo, Jabbar al-Luaybi, nesta segunda-feira (13).

"A prioridade é retomar exportações de petróleo de Kirkuk pelo oleoduto entre Iraque e Turquia uma vez que tenha sido reabilitado e substituído por um novo", disse ele em uma visita aos campos reivindicados por Bagdá e o Curdistão iraquiano.

Quase um mês após forças federais retomarem Kirkuk dos curdos, a produção ainda está estagnada em dois dos campos petrolíferos da província e todas as exportações pararam.

Por ora, 30 mil bpd serão enviados ao Irã em caminhões-tanque, afirmou Luaybi.

O objetivo é que "os campos e poços sejam renovados e nossa meta é alcançar uma produção de 1 milhão de barris por dia", possivelmente com a ajuda da gigante energética britânica BP, segundo ele.

Luaybi, na primeira visita de um ministro de Petróleo iraquiano à região desde a invasão do país liderada por Estados Unidos em 2003, disse que a capacidade de produção atual de Kirkuk é de 420 mil bpd.

Os curdos tinham tomado os campos em 2014 e exportaram para a Turquia por seu próprio oleoduto. Os esforços para renovar um oleoduto paralelo iraquiano por levar até dois anos, de acordo com especialistas.

str-ac/sbh/hc/srm/ll

BP

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos