PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

HSBC multiplica por sete lucro líquido em 2017 após restruturação

20/02/2018 14h05

Hong Kong, 20 Fev 2018 (AFP) - O banco HSBC anunciou, nesta terça-feira (20), um lucro líquido de 9,683 bilhões de dólares em 2017, mais de sete vezes maior que o do ano anterior, fruto da ampla restruturação iniciada em 2015.

O grupo sediado em Londres tinha tido lucro de 1,299 bilhão de dólares em 2016.

"Esses bons resultados demonstram a força e o potencial do HSBC", declarou seu CEO Stuart Gulliver, que deixou o cargo nesta terça-feira, passando-o a John Flint.

"Os lucros ajustados de todos nossos setores de atividade avançaram e terminamos o programa de transformação lançado em 2015", continuou. "O HSBC é mais simples, mais forte e mais seguro do que era em 2011".

Esses resultados ilustram a recuperação do HSBC, abalado por escândalos e resultados financeiros decepcionantes. O banco anunciou em 2015 que reduziria 50 mil empregos no âmbito de um plano de restruturação mundial, inclusive com a venda de suas atividades no Brasil e Turquia.

Essa melhoria buscava liberar meios financeiros que permitam se estabelecer com mais força na Ásia.

O presidente do grupo, Mark Tucker, indicou contudo que o embora o banco era otimista para a economia mundial em 2018, a atividade poderia ser perturbada por diversos fatores, como "o aumento das tensões internacionais", ou "a ameça do protecionismo".

jac/ev/ra/pc/ll

HSBC