PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Petróleo fecha em alta

25/07/2018 18h30

Nova York, 25 Jul 2018 (AFP) - Os preços do petróleo fechou em alta nesta quarta-feira, apoiados pela queda das reservas nos Estados Unidos, no nível mais baixo desde 2015.

Em Londres, o barril de Brent del Mar do Norte para entrega em setembro subiu 49 centavos, a 73,93 dólares na Intercontinental Exchange (ICE).

Na Bolsa de Nova York (Nymex), um barril de 'light sweet" (WTI) para entrega no mesmo prazo subiu 78 centavos, a 69,30 dólares.

"Este aumento no preço está muito claramente relacionado com a queda muito maior do que a esperada nas reservas de petróleo bruto nos Estados Unidos, que caíram ao nível mais baixo desde fevereiro de 2015", disse Robert Yawger, da empresa Mizuho.

Isso relativiza, pelo menos temporariamente, qualquer preocupação sobre um possível excedente de petróleo no mercado mundial.

Na semana encerrada o 20 de julho, as reservas comerciais de petróleo caíram em 6,1 milhões de barris, a 404,9 bilhões. Analistas consultados pela agência Bloomberg esperavam uma retomada de somente 3 milhões de barris.

Os estoques de petróleo são 16,2% menores aos do mesmo período de 2017 e estão quase 3% acima da média dos últimos cinco anos.

Os estoques do terminal de Cushing recuaram 1,2 milhão, a 23,7 milhões de barris; a menor quantidade desde novembro de 2014. Os estoques de Cushing servem de referência para cotar o petróleo WTI em Nova York.

As reservas de gasolina tiveram queda de 2,3 milhões de barris o que está acima do recuo de 1,1 milhão esperado pelos analistas.

Os destilados caíram 100.000 barris contra a alta de 550.000 calculada por especialista.

A produção se manteve no nível recorde de 11 milhões de barris por dia alcançado na semana anterior.

js-jum/alb/AB/llu/gm/cc