PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

EUA acusam hacker chinês por roubo de dados de 78 milhões de pessoas

09/05/2019 19h47

Washington, 9 Mai 2019 (AFP) - Um cidadão chinês foi acusado de roubar dados de mais de 78 milhões de clientes de planos de saúde nos Estados Unidos em 2015, informou o Departamento de Justiça dos EUA na quinta-feira (09).

Fujie Wang fazia parte de um grupo de hackers "extremamente sofisticados" baseados na China, que desde 2014 atacaram quatro empresas dos EUA, incluindo a seguradora de saúde Anthem, e cometeram "um dos piores roubos de dados da história", revelou o departamento de Justiça.

Outro suposto membro do grupo, apresentado sob o pseudônimo de John Doe, também foi acusado.

O grupo é acusado de entrar nos sistemas de computador da Anthem por meio de métodos "personalizados".

Depois de instalar um malware, os hackers puderam se apropriar de informações pessoais de aproximadamente 78,8 milhões de clientes registrados pela seguradora, como nome, data de nascimento, número do seguro de saúde e comprovantes de pagamento, entre outros.

Em seguida, transferiam os dados para a China, antes de tentar excluir os arquivos da empresa para ocultar suas impressões digitais.

Os dois suspeitos de serem hackers são acusados de fraude e roubo de identidade.

O Departamento de Justiça não disse se o grupo tinha laços com o governo chinês nem como usava os dados roubados.

cyj/leo/gv/dga/ap

PUBLICIDADE