PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

A posse de Joe Biden: um programa especial de cobertura da AFP

15/01/2021 20h04

Washington, 15 Jan 2021 (AFP) - WASHINGTON - O democrata Joe Biden se tornará em 20 de janeiro o 46º presidente dos Estados Unidos em uma capital sob medidas de segurança extraordinárias após os atos de violência que deixaram cinco mortos na semana passada durante a invasão ao Capitólio.

O ex-vice-presidente de Barack Obama e sua vice, Kamala Harris, enfrentarão grandes desafios nos cem primeiros dias de seu mandato: lutar contra os estragos da pandemia de covid-19, relançar a economia da primeira potência mundial, pacificar um país muito dividido e reconstruir uma nova diplomacia norte-americana.

Os preparativos da cerimônia de posse serão acompanhados à medida que os acontecimentos se desenvolverem nos próximos dias. A partir deste fim de semana, a AFPTV estará presente em meia dúzia de estados e na capital para cobrir a instalação do dispositivo de segurança.

Acompanharemos com textos e fotos a última viagem de Donald Trump a bordo do Air Force One em sua mudança na quarta-feira para sua residência de Mar-a-Lago, na Flórida. A cerimônia de posse, prevista para começar às 16h GMT (13h de Brasília), no Capitólio, será coberta em texto, foto, vídeo e infografia.

Nossos clientes vão receber também uma série de infografias sobre a Casa Branca, o Capitólio, os principais presidentes dos Estados Unidos, sem esquecer de Joe Biden e seu programa de governo.

Uma série fotografias sobre os momentos mais significativos da Presidência de Donald Trump será difundida na próxima segunda-feira.

A AFP prevê, ainda, o seguinte programa:

Principais palavras-chave: EUA política posse

Segunda-feira, 18:

WASHINGTON - Perfil de Joe Biden

WASHINGTON - Perfil de Kamala Harris

WASHINGTON - Perfil de Donald Trump

WASHINGTON - A família do presidente: Jill, Hunter e o grande ausente, seu filho Beau, já falecido

(ÂNGULO)

WASHINGTON - Os grandes desafios dos cem primeiros dias (QUADRO)

WASHINGTON - Uma posse muito peculiar

(ÂNGULO)

NOVA YORK - Como unir um país polarizado?

Após a violência no Capitólio e com vistas à posse de Joe Biden, milhares de americanos quiseram estender a mão ao "outro lado", mas sua boa vontade parece insuficiente para superar um abismo tão grande.

(ÂNGULO)

Terça-feira, 19:

WASHINGTON - As crises que Joe Biden terá que resolver

(ANÁLISE)

WASHINGTON - Diplomacia: como devolver os Estados Unidos ao seu lugar no âmbito multilateral mundial

(ÂNGULO)

WASHINGTON - Os dez momentos-chave da Presidência de Trump

(QUADRO)

WASHINGTON - As cerimônias de posse dos presidentes dos EUA

(QUADRO)

AFP

PUBLICIDADE