PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Xi Jinping, a estrela anunciada do Fórum Econômico de Davos

18/01/2021 15h41

Paris, 18 Jan 2021 (AFP) - A China, que já se destaca como grande sobrevivente econômica da covid-19, será a estrela do Fórum de Davos, que acontecerá de 25 a 29 de janeiro virtualmente com a participação de seu presidente, Xi Jinping, junto a outros líderes mundiais.

Enquanto a edição de 2020 foi dominada pelo americano Donald Trump, este ano a Ásia volta com força ao Fórum Econômico Mundial, conforme anunciado nesta segunda-feira (18) pelos seus organizadores em coletiva de imprensa.

Além dos líderes de países europeus, como Alemanha, França, Itália e Espanha, também estarão presentes no encontro os de outros Estados emergentes, como Argentina, Costa Rica, Colômbia, África do Sul, Gana e Ruanda. O grande ausente na reunião será os Estados Unidos.

A União Europeia (UE) estará representada pela presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e a presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde.

Desse modo, Xi Jinping assinará sua segunda participação, após as aplaudidas promessas de abertura econômica que fez em 2017 durante este encontro anual da elite econômica mundial.

Além disso, seu país anunciou nesta segunda-feira que fechou 2020 com um crescimento de 2,3%, tornando-se assim a única grande economia que terminou o ano em boa forma depois de praticamente conter a epidemia de covid-19 em seu território.

Também participarão da cúpula virtual o primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, e seu homólogo indiano, Narendra Modi, assim como os presidentes da Coreia do Sul, Moon Jae-in, e da Singapura, Lee Hsien Loong.

Também foi anunciada a presença do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e do rei Abdallah da Jordânia.

Após esta primeira sessão virtual, em maio acontecerá uma reunião física na Singapura, e não na estação de esqui de Davos (Suíça), onde o evento geralmente é organizado.

Nesta edição digital o tema será "Um ano crítico para restaurar a confiança", dividido em três subtemas: "covid-19, clima e cooperação".

evs/aue/jvb/tjc/aa/mvv

PUBLICIDADE