Economia brasileira continua a crescer apesar dos desafios

BRASÍLIA, 26 de janeiro de 2024 (WAM) -- Apesar de enfrentar vários desafios, a economia brasileira testemunhou um crescimento positivo, consistente com as projeções globais, com a economia do país crescendo 3,1% em 2023, um pouco mais alto do que o crescimento de 2,9% em 2022.

De acordo com as últimas previsões do Banco Mundial, a economia brasileira sofrerá uma desaceleração no crescimento em 2024, com uma taxa projetada de 1,5%. A previsão é de que essa taxa de crescimento aumente para 2,2% no ano seguinte, apoiada pelas expectativas de queda da inflação e das taxas de juros.

A maior da América Latina e do Caribe, a economia do Brasil é alimentada por vários setores, sendo que os principais contribuintes são os setores de serviços e agricultura, que são as principais fontes de renda, emprego e divisas para o país.

De acordo com estimativas, incluindo as do Fundo Monetário Internacional (FMI) para 2023, a economia do Brasil é a nona maior do mundo em termos de PIB, com um registro de AED 2,13 trilhões (cerca de USD 572 bilhões), superando a Rússia e o Canadá.

De acordo com o Banco Mundial, a América Latina e o Caribe sofreram uma desaceleração econômica em 2023, com o crescimento atingindo apenas 2,2%, e espera-se que esse número caia ainda mais para 1,6% no ano corrente. Essa desaceleração ocorre em meio ao aumento da inflação, ao aperto das condições monetárias, ao fraco comércio global e a eventos climáticos adversos.

https://wam.ae/en/article/b1ch13a-brazilian-economy-continues-grow-despite



Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes