Bolsas

Câmbio

Governo da Argentina substitui presidente do Banco Nación

Buenos Aires, 18 jan (EFE).- O governo da Argentina anunciou nesta quarta-feira a saída de Carlos Melconian da presidência do estatal Banco Nación e sua substituição pelo economista Javier González Fraga, informaram fontes oficiais.

"González Fraga é um economista de trajetória ampla e reconhecida. Foi presidente do Banco Central em 1989 e 1990, contribuindo para saída do pico de hiperinflação, escreveu vários livros, além de ter fundado e dirigindo uma empresa de produtos lácteos", disse a presidência da Argentina em breve comunicado.

"O governo agradece Carlos Melconian por sua paixão e sua dedicação no comando do Banco Nación, por tê-lo conduzido com sucesso e profissionalismo", completou a nota.

Os motivos da mudança, anunciada de surpresa, não foram esclarecidos. Melconian, de 60 anos, tinha chegado ao comando do banco estatal no fim de 2015, sendo nomeado pelo presidente do país, Mauricio Macri, depois que ele assumiu o poder.

Apesar do trabalho de Melconian ter sido discreto, o agora ex-presidente do Banco Nación se envolveu em algumas polêmicas, como quando reconheceu em entrevista que "guardou" dinheiro no exterior, assim como muitos outros argentinos.

A mudança ocorre oito dias depois da posse dos novos ministros da Fazenda, Nicolás Dujovne, e de Finanças, Luis Caputo, nomeados depois de Macri ter pedido a renúncia do ministro da Fazenda e Finanças, Alfonso Prat-Gay, e dividido a pasta em duas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos