Bolsas

Câmbio

Chilena Corpesca vende unidade brasileira Selecta à empresa sul-coreana

Santiago do Chile, 13 jun (EFE).- A empresa pesqueira chilena Corpesca anunciou nesta terça-feira que assinou os contratos para vender o controle de sua unidade brasileira de soja Selecta para a coreana CJ Cheil Jedang (CJ), em uma operação avaliada em US$ 214 milhões.

A empresa chilena, controlada pelo Grupo Angelini, tem uma participação de 70% na unidade brasileira, que se dedica à produção de azeite e outros derivados da soja, com uma capacidade de cerca de 700.000 toneladas anuais.

A operação engloba 60% da propriedade da Selecta e o 10% restante permanecerá com a filial brasileira da Corpesca, com a opção de vendê-las também à CJ uma vez cumprido um prazo de dois anos da transação, a um preço pré-estabelecido, segundo detalhou a empresa chilena em um comunicado dirigido à Superintendência de Valores e Seguros do Chile (SVC).

Segundo este comunicado, a venda reportará à Corpesca um lucro estimado de US$ 129 milhões, cifra muito superior aos US$ 85 milhões que a chilena investiu para controlar a Selecta.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos