ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Abras prevê alta de 10,27% nas vendas de Natal, mais otimista do que em 2017

Dayanne Sousa

São Paulo

30/10/2018 14h13

As redes de supermercados estão mais otimistas com o Natal deste ano em comparação a 2017. A Associação Brasileira de Supermercados (Abras) projeta que as vendas de fim de ano no setor devem subir 10,27% em termos nominais, estimativa mais favorável do que no ano passado.

Em 2017, a Abras havia projetado crescimento de 8,34% nas vendas de Natal e o resultado de fato registrado nas vendas em dezembro foi de 5,58%.

Para o presidente da Abras, João Sanzovo Neto, o maior otimismo dos varejistas este ano está associado a uma expectativa de recuperação da confiança dos consumidores após o período eleitoral, que foi de maior incerteza.

A expectativa mais favorável dos varejistas deve se refletir ainda na contratação de funcionários temporários. Segundo o levantamento da Abras, 33% das empresas devem contratar temporários ante um porcentual de 23% que declararam intenção de contratar para esse período de festas no ano passado.

Governo Bolsonaro

O presidente da Abras avaliou que os empresários de forma geral têm uma expectativa positiva com relação ao governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro. "Empresários são a favor de uma visão liberal na economia e o que se ouviu durante a campanha vem nessa direção", acrescentou.

Sanzovo Neto avaliou que se espera uma evolução em temas como as reformas da Previdência, Tributária e Política.

O executivo ainda considerou que a confiança de empresários e consumidores tende a aumentar, agora que o período eleitoral se encerrou. "O processo de eleição foi bastante apreensivo, gerou conflitos. Essa apreensão deve aliviar agora", concluiu.

Mais Economia