Topo

Gilmar Mendes defende Cintra e diz que ele tem 'elevado espírito público'

11.mai.2019 - O ministro Gilmar Mendes, da 2ª Turma do STF, durante o julgamento de habeas corpus coletivo que pede a soltura réus em 2ª instância, além do pedido de habeas corpus da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva - Mateus Bonomi/Estadão Conteúdo
11.mai.2019 - O ministro Gilmar Mendes, da 2ª Turma do STF, durante o julgamento de habeas corpus coletivo que pede a soltura réus em 2ª instância, além do pedido de habeas corpus da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva Imagem: Mateus Bonomi/Estadão Conteúdo

Lorenna Rodrigues

Brasília

12/09/2019 18h36

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes parabenizou o ex-secretário da Receita Federal Marcos Cintra pelo trabalho à frente do órgão. Cintra foi exonerado quarta-feira depois de um de seus auxiliares detalhar a proposta em estudo no governo para a reforma tributária.

No Twitter, Mendes disse que Cintra é dotado de "elevado espírito público, lhano e republicano" e que construiu uma carreira "incansavelmente dedicada à realização do desenvolvimento econômico". "Sua trajetória como economista e político orgulha o país", concluiu.

Mendes foi o pivô de uma das crises protagonizadas pela Receita Federal neste ano. O ministro pediu explicações ao próprio Cintra e ao ministro da Economia, Paulo Guedes, depois de vazarem informações de que ele e sua mulher eram alvos de investigação da Receita Federal.

Economia