PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Congresso cria Frente Parlamentar contra o Custo Brasil e para priorizar reformas

A Frente vai trabalhar pela redução do Custo Brasil e tem como prioridades as reformas tributária e administrativa - Getty Images
A Frente vai trabalhar pela redução do Custo Brasil e tem como prioridades as reformas tributária e administrativa Imagem: Getty Images

Sandra Manfrini

Do Estadão Conteúdo, em Brasília

30/06/2021 08h59Atualizada em 30/06/2021 09h43

O Congresso Nacional lança nesta quarta-feira (30) a Frente Parlamentar Pelo Brasil Competitivo (FPBC), com mais de 200 integrantes entre senadores e deputados. A Frente vai trabalhar pela redução do Custo Brasil e tem como prioridades as reformas tributária e administrativa. A pauta do grupo engloba ainda temas como qualificação profissional, segurança jurídica e infraestrutura. O lançamento será às 11h, na Confederação Nacional da Indústria (CNI).

"A estratégia é unir forças para melhorar o ambiente de negócios e para permitir que as empresas brasileiras compitam de igual para igual com as concorrentes internacionais", diz a CNI em nota.

A Frente será presidida pelo deputado Alexis Fonteyne (Novo-SP) que defende que o Congresso tenha papel fundamental no desenvolvimento da agenda de reformas estruturantes.

"Os recentes movimentos de abertura da economia por parte do governo federal, tornam essa agenda ainda mais urgente, e dessa vez, inadiável. Precisamos evitar a fuga de empresas, de investimentos e impulsionar o desenvolvimento da competitividade, dando condições para que o setor produtivo nacional seja capaz de concorrer com seus competidores globais", afirma Fonteyne.