CPPI quer qualificar terminais nos portos de Santos, Rio Grande, Porto Alegre, Fortaleza e Rio

O Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI) opinou favoravelmente, e submeteu à deliberação do presidente da República, pela qualificação de empreendimentos públicos federais do setor portuário no âmbito do PPI, conforme resolução publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, 5.

A resolução propõe um cronograma para os leilões dos empreendimentos, que devem ocorrer em 2024 e em 2025, e vale para os terminais:

- Terminal STS33, localizado no Porto Organizado de Santos (SP), abrangendo área de 51.460 m2, destinado à movimentação e armazenagem de carga geral, de projeto ou conteinerizada;

- Terminal RIG10, localizado no Porto Organizado do Rio Grande(RS), abrangendo área de 8.670 m2, destinado à movimentação e armazenagem de carga geral;

- Terminal MUC04, localizado no Porto Organizado de Fortaleza (CE), abrangendo área de 134.795,17 m2, destinado à movimentação e armazenagem de contêineres;

- Terminal POA26, localizado no Porto Organizado de Porto Alegre (RS), abrangendo área de 22.052,40 m2, destinado à movimentação e armazenagem de granel sólido vegetal e mineral;

- Terminal RDJ11, localizado no Porto Organizado do Rio de Janeiro (RJ), abrangendo área de 9.010 m2, especialmente produtos siderúrgicos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes