Goolsbee e Kashkari reforçam posição cautelosa do Fed, ante incerteza com inflação

Os presidentes das distritais de Minneapolis, Neel Kashkari, e de Chicago, Austan Goolsbee, do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), reafirmaram em entrevista na tarde desta sexta-feira, 10, à CNBC a postura de ambos de cautela para acompanhar os próximos desdobramentos da economia, antes de defender mudanças na política monetária.

Kashkari afirmou que é preciso avaliar "muitos outros dados", para ter a certeza de que a inflação está caindo e disse estar em modo "esperar para ver" antes de mudar de posição. Ele disse ter ainda dúvidas sobre o quão restritivos estão os juros neste momento, além de comentar que ainda é cedo para dizer se haverá mais ganhos na oferta, na economia americana. O dirigente ainda notou que fatores como a demografia devem definir o nível dos juros neutros no longo prazo.

Goolsbee, por sua vez, disse que "não quero atar nossas mãos", antes de ter um quadro mais claro sobre as condições econômicas. Em sua fala, ele manteve a postura de mais cedo, quando teve conversa em evento público sobre o quadro econômico e a política monetária nos EUA neste momento.