Bolsas

Câmbio

Novo estudo de 10 anos do Stretta apresentado na UEGW 2016

Mederi Therapeutics Inc.

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

NORWALK, Connecticut, 1 de novembro de 2016 /PRNewswire/ -- A Mederi Therapeutics hoje anunciou que novos dados de um acompanhamento de 10 anos de pacientes da terapia Stretta  foram apresentados na Semana Europeia Unida de Gastroenterologia (United European Gastroenterology Week, UEGW , em inglês) deste ano, em Viena, Áustria. Os dados do autor principal, Dr. Luca Dughera, da Universidade de Turim, Itália, demonstraram um alívio significativo e duradouro dos sintomas da doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) e a eliminação do uso de PPI em 71,9% dos pacientes, 10 anos pós- Stretta. O estudo do Dr. Dughera foi apresentado nas "Sessões de pôsteres de destaque" ("Posters in the Spotlight Sessions"), que reconheceram os melhores estudos submetidos ao congresso.

Vídeo -  https://youtu.be/6BoNrwPORoQ

O estudo acompanhou 251 pacientes, incluindo 57 pacientes que chegaram aos 10 anos de acompanhamento, e encontrou efeitos significativos e duradouros do tratamento Stretta. Os achados incluem:

Uma melhora significativa, tanto nos índices de acidez estomacal como da qualidade de vida na DRGE (HRQL) 71,9% (41/57) dos pacientes completamente livres de PPIs 10 anos após um procedimento com Stretta O Stretta foi eficaz em resolver os sintomas extra-esofágicos da DRGE Cerca de 30% dos pacientes com DRGE ainda experimentam sintomas, apesar de medicações padrão, como o inibidor da bomba de próton (IBP), e muitos mais pacientes estão preocupados com os riscos potenciais dessas medicações de longo prazo. O Stretta é um tratamento ideal para estes pacientes que, apesar das medicações, ainda têm a DRGE, mas não querem passar por cirurgia.

O Stretta é um tratamento não cirúrgico que de modo transoral (através da boca) lança níveis baixos de energia de radiofrequência (RF) para o músculo entre o estomago e o esôfago. Estudos mostram que os mecanismos de ação incluem um espessamento do músculo e menor complacência do tecido, o que melhora a função de barreira, resultando em menos eventos de refluxo, reduzida exposição ao ácido e sintomas melhorados.

No estudo, intitulado "O uso da energia de RF (Stretta) não ablativa para o tratamento da DRGE. Dez anos de acompanhamento dos resultados", Dughera et al reconheceram a necessidade de uma opção de tratamento para este tipo de paciente, que não necessita de medicamentos diários de longo prazo ou cirurgia, especialmente em populações mais jovens. O Dr. Dughera observou que "Pacientes mais jovens com DRGE crônica não querem passar a vida inteira com medicamentos diários – e estão interessados em evitar a cirurgia". Dughera também apontou que estes dados de 10 anos são consistentes com os de outro estudo de 10 anos por Noar et al , publicado na Surgical Endoscopy, em 2014. O estudo do Dr. Noar concluiu que 64% dos pacientes estavam sem medicações 10 anos após o Stretta, com melhora significativa nos índices HRQL da DRGE e um alto nível de satisfação de paciente. "O Stretta tem sido amplamente documentado em estudos clínicos como seguro e eficaz, e tem sido apoiado por diretrizes da SAGES  e  ASGE . É uma opção viável de tratamento que deveria ser oferecida para os que sofrem da DRGE", ele acrescentou.

SOBRE MEDERI® E STRETTA®

A Mederi fabrica aparelhos médicos inovadores que usam energia de radiofrequência (RF) não ablativa para tratar doenças digestivas. A terapia Stretta para a DRGE provou ser segura e eficaz para tratar a DRGE em mais de 40 estudos. Acompanhamentos de longo prazo mostram 10 anos de durável alívio dos sintomas. Mais de 20.000 procedimentos Stretta já foram feitos em todo o mundo.

Para mais informações, vá para:  www.stretta-therapy.com .

Contato: Kara Stephens

407.765.1185

kara@pascalecommunications.com

FONTE Mederi Therapeutics Inc.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos