PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Trabalhadores com horário marcado no INSS dão de cara com agência fechada

Agência do INSS no centro de São Paulo fechada devido a pandemia do novo coronavírus - Andre Porto/UOL
Agência do INSS no centro de São Paulo fechada devido a pandemia do novo coronavírus Imagem: Andre Porto/UOL

Lucas Borges Teixeira

Colaboração para o UOL, em São Paulo

20/03/2020 17h17

Rosimeri dos Santos, 46, esperava impaciente à frente da agência do INSS no Anhangabaú, no centro de São Paulo, por volta das 10h desta sexta-feira (20). Com o braço machucado sustentado por uma tipoia, ela havia marcado uma perícia para as 10h20, mas encontrou a unidade fechada.

Cena semelhante, com outros trabalhadores, repetiu-se algumas vezes em poucas horas. A reclamação geral: ninguém sabia que a agência estaria fechada. Procurado pela reportagem, o INSS afirmou que o anúncio do fechamento de parte das unidades foi feito nacionalmente na última quinta-feira (19) e que "não conseguiu contatar todos os segurados" para avisar.

De cara na porta

"Ninguém avisou, não. A perícia está marcada tem uma semana já, e agora não falam nada? Como vou fazer?", questionou Rosimeri.

PRÉDIO DO INSS FECHADO - Andre Porto/UOL - Andre Porto/UOL
Imagem: Andre Porto/UOL

Mancando, Matheus do Nascimento, 21, passou pela mesma situação. Ele conta que rompeu o ligamento do joelho esquerdo e tinha perícia médica marcada para as 11h. "A mulher da empresa marcou para mim. Não sabia [que estaria fechado]. Agora, vou ver como faço para remarcar."

"Telefone não atende"

Nas grades da agência, cartais sinalizavam que os segurados deveriam ligar para o telefone 135 ou para um número local para tirar dúvidas. Dentro da agência, os seguranças, terceirizados, explicavam que nenhum funcionário tinha ido trabalhar.

O problema, diziam os segurados, é que os telefones não respondiam. "Dá ocupado, ó", mostrou Cintia Amorim, 52, que pretendia fazer um reagendamento. "Isso é um desrespeito com o povo."

Rogério Andrade, 61, está com o dedo quebrado e também não conseguiu realizar os serviços pelo telefone. "É exatamente por isso que eu estou aqui. O número não funciona, vim tentar agendar, mas está fechado", reclamou.

INSS diz que não conseguiu avisar

Ao UOL, a Superintendência do INSS em São Paulo informou que, como o anúncio do fechamento das unidades e do regime de plantão ocorreu no fim da tarde de quinta-feira (19), o INSS "não conseguiu contatar todos os segurados que tinham atendimento agendado para hoje".

"O Instituto também informa que não consegue contato com todas as pessoas que têm hora marcada em razão dos cadastros sem número de telefone, com telefone incorreto ou desatualizado, e não atendimento", afirmou o INSS-SP.

Segundo o instituto, os segurados serão informados futuramente, e os horários serão remarcados. O INSS pediu, ainda, que os segurados usem os canais remotos, como o telefone 153 e o portal "Meu INSS", e não se dirijam às unidades.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que era informado no quinto parágrafo, o telefone do INSS é 135, não 153. A informação foi corrigida.