PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Mídia e Marketing

Coletivo lista 30 jovens que lutaram por mudanças na comunicação em 2020

Divulgação
Imagem: Divulgação

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/12/2020 09h01

O coletivo Papel & Caneta publicou ontem (08) a quarta edição de sua lista anual com nomes de 30 jovens que lutaram por mudanças na indústria da comunicação e marketing em 2020.

O grupo selecionado pelo coletivo possui 11 homens e 19 mulheres que inovaram em projetos independentes, em busca de um mercado publicitário mais diverso e acessível no Brasil.

De uma premiação para levar jovens da periferia de São Paulo ao maior festival de publicidade do mundo até os criadores de um podcast que discute a diversidade na publicidade, a lista pretende celebrar quem "criou iniciativas e projetos independentes para iluminar uma mudança coletiva".

"Uma das maiores dificuldades de criar um projeto de mudança é lidar com a solidão. Em uma rotina tão difícil de driblar entre trabalhos freelancers e projetos da agência, fazer com que cada pessoa saiba que ela não está sozinha acaba dando forças e abrindo portas para colaborações no futuro", declara André Chaves, idealizador do Papel & Caneta.

Confira a lista deste ano, que tem apoio da holding de comunicação FlagcX:

Matheus Silva, criador do vídeo "Cara Gente Branca do Mundo da Comunicação";

Amanda Abreu, Daniele Mattos e Verônica Dudiman, fundadoras da consultoria "Indique Uma Preta";

Denise Saito, criadora da "Freela School";

Felipe Silva, fundador da "Escola Rua";

Bruna Porto e Amanda Damaris, do projeto "#BlackIn";

Maria Fiuza e Ligia Fava, criadoras do "Tapa na Quarentena";

Lucas Schuch, idealizador da pesquisa "Home Office: tá bom para todo mundo? Mesmo?";

Ketyanne Silva, do "Planilhas de Pretos";

Camila Rodrigues, do perfil "PorTips";

Tiago Tuiuiú, do "Projeto Quadros";

Marianna Souza, uma das idealizadoras do movimento "Corta!";

Letícia Rodrigues, Irina Didier e Flávio Salcedo, criadores do "PerifaLions";

Gláuber Sampaio, um dos fundadores da escola "Aprender Design";

Gustavo Borges, cofundador do estúdio criativo "MusgUrbanu!";

Daniela Arrais, da série "Fala que eu não te escuto, impostora", e

Guilherme Dresch, Gustavo Novais, Júlia Teodoro, Marcelo Honorio, Larissa Araújo, Laise Alves, Tamiris Cruz, Igor Pinheiro e Larissa Santos, idealizadores do podcast "AfroPausa".

Todas as iniciativas estão detalhas no Medium do Papel & Caneta. O coletivo também publicou um vídeo sobre a lista deste ano:

O coletivo, fundado em 2014, é formado por um grupo de líderes de agências que separam dias para trabalhar ao lado de ativistas e chamar a atenção do mundo para suas causas.

Sarah Watson (presidente da BBH), Diego Machado (CCO global da AKQA), Laura Jordan-Bambach (CCO da Grey London) e Roberto Martini (fundador e CCO da FLAGCX) são alguns dos nomes que fazem parte da iniciativa pelo mundo.

Mídia e Marketing