PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Lira critica Senado por quebra de acordo sobre minirreforma trabalhista

Segundo Lira, o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), o procurou para propor um acordo entre as Casas - Gabriela Biló/Estadão Conteúdo
Segundo Lira, o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), o procurou para propor um acordo entre as Casas Imagem: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

01/09/2021 23h07

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), criticou hoje o Senado e afirmou que a Casa descumpriu um acordo que tinha sido construído a respeito da MP (Medida Provisória) 1045/21, que ficou conhecida como "minirreforma trabalhista".

Segundo Lira, o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), o procurou para propor um acordo entre as Casas. O presidente da Câmara relatou que a proposta era de o Senado aprovar a MP, retirando a parte que alterava a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).

Lira e outros líderes da Câmara teriam aceitado a sugestão, no entanto, o Senado acabou rejeitando completamente a medida provisória.

Eu recebi uma ligação do líder do governo Fernando Bezerra Coelho, junto com o relator do Senado, fazendo justamente essa proposta de acordo. Esse acordo foi feito. Nós cumprimos os nossos acordos. Nós não temos acordo nenhum que não seja respeitado, com a oposição, com o centro ou com base nesta Casa. Nós respeitamos os acordos e cumprimos com as nossas palavras".
Arthur Lira, presidente da Câmara

Porém, mesmo com a crítica, Lira negou que houvesse uma tensão entre Câmara e Senado. "Não tem tensão. Se tivesse tensão eu estaria falando de maneira mais ríspida", afirmou.

As falas de Lira aconteceram em uma breve entrevista coletiva no Congresso, logo após a aprovação do texto-base da reforma no Imposto de Renda. Sobre isso, o presidente da Câmara destacou o diálogo entre os parlamentares.

Nos causa espécie que na tramitação das matérias da Câmara têm se cumprido um rito de muito respeito ao diálogo".

PUBLICIDADE