Bolsas

Câmbio

Demanda por crédito empresarial sobe 1,2% em julho, diz Serasa Experian

SÃO PAULO (Reuters) - A demanda por crédito empresarial no Brasil subiu 1,2 por cento em julho ante mesmo mês do ano passado, revertendo a tendência de queda registrada no primeiro semestre, informou o Indicador Serasa Experian de Demanda das Empresas por Crédito.

Foi a primeira alta interanual em seis meses. Na comparação com o mês de junho, a demanda cresceu 6 por cento.

Para a Serasa Experian, "a gradual retomada da atividade econômica e a queda dos juros começam a reestimular as empresas a buscarem crédito", disse a companhia, em nota.

Ainda assim, entre janeiro e julho, o índice apresentou queda de 3,7 por cento ante mesmo período do ano passado.

Considerando a divisão por portes, o segmento de micro e pequenas empresas foi o que teve maior demanda por crédito, com alta interanual de 1,8 por cento.

Já as demandas de médias e grandes empresas tiveram queda interanual de 9,5 por cento e 8,7 por cento, respectivamente.

No que diz respeito aos setores, serviços foi o único que apresentou alta, de 5,1 por cento em julho, enquanto a demanda de crédito para indústria e comércio recuou 4,3 por cento e 1,3 por cento, respectivamente.

A análise por regiões mostrou queda na demanda por crédito em todas as regiões do país.

(Por Natália Scalzaretto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos