Importações de petróleo pela China caem ao menor nível em mais de 1 ano

PEQUIM (Reuters) - As importações chinesas de petróleo em outubro caíram para o menor nível mensal em 13 meses, recuando de um quase recorde em setembro, à medida que compras de refinarias independentes diminuíram devido a suas cotas de importação.

Os dados da Administração Geral das Alfândegas mostraram nesta quarta-feira que as importações atingiram 31,03 milhões de toneladas em outubro, ou 7,3 milhões de barris por dia (bpd), alta em relação ao mesmo mês do ano anterior, mas muito abaixo dos cerca de 9 milhões de bpd de setembro.

"As menores importações refletiram menos compras de refinarias independentes, já que muitas delas estão ficando sem cota de petróleo para este ano", disse Li Yan, analista de óleo do Zibo Longzhong Information Group.

As importações mais baixas em outubro foram uma surpresa, segundo o analista, já que a demanda geralmente cresce no quarto trimestre com fortes taxas de processamento de refinarias.

(Por Josephine Mason e Meng Meng)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos