PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

UE contempla primeira reunião presencial em meses para discutir Orçamento

25/05/2020 10h30

Por Gabriela Baczynska

BRUXELAS (Reuters) - Líderes da União Europeia (UE) podem se reunir para uma cúpula presencial nas próximas semanas com o objetivo de discutirem o próximo Orçamento conjunto e um fundo de recuperação ligado ao coronavírus, suspendendo as regras de isolamento adotadas para conter a pandemia, disseram diplomatas e autoridades.

A União Europeia tem encontrado dificuldades para fazer videoconferências desde que entrou em confinamento em março para conter a disseminação do coronavírus.

Poucos em Bruxelas, entretanto, acreditam que as intensas discussão comuns sobre os acordos orçamentárias possam funcionar em videoconferência, e a maioria dos países membros tem afrouxado suas restrições conforme diminuem as taxas de infecção.

"O Orçamento e o Fundo de Recuperação não podem ser definidos sem uma reunião física. Ainda não me encontrei com ninguém que acharia isso possível em uma videoconferência", disse um diplomata sênior da UE.

Questões técnicas, problemas com tradução e a natureza mais impessoal de chamadas por vídeo dificultariam que os líderes da UE repliquem a atmosfera de seus longos encontros.