IPCA
0,26 Set.2023
Topo

Arrecadação federal sobe a R$ 172 bilhões em novembro, abaixo do esperado

Expectativa, segundo pesquisa da Reuters, era de arrecadação de R$ 176,5 bilhões em novembro - Getty Images
Expectativa, segundo pesquisa da Reuters, era de arrecadação de R$ 176,5 bilhões em novembro Imagem: Getty Images

Camila Moreira, com edição de Luana Maria Benedito

21/12/2022 10h47Atualizada em 21/12/2022 11h09

A arrecadação do governo federal teve alta real de 3,25% em novembro sobre o mesmo mês do ano passado, chegando a R$ 172,038 bilhões, segundo divulgou a Receita Federal nesta quarta-feira (21).

O resultado ficou abaixo da expectativa em pesquisa da Reuters, de um total de R$ 176,505 bilhões, mas marcou o melhor resultado para o mês desde 2013.

Foi a primeira vez em 2022 que a arrecadação não bateu seu recorde mensal.

De acordo com os dados, a arrecadação administrada pela Receita, que engloba a coleta de impostos de competência da União, foi de R$ 165,641 bilhões — alta real de 2,53% sobre novembro de 2021.

Já aquelas administradas por outros órgãos, com peso grande dos royalties sobre a exploração de petróleo, chegou a R$ 6,397 bilhões, um aumento real de 25,99% na mesma base de comparação.

O Banco Central interrompeu seu ciclo de aperto em setembro, mantendo sua taxa de referência em 13,75% ao ano, depois de ter elevado gradualmente a Selic do menor patamar da história de 2% a partir de março de 2021.

De janeiro a novembro, o crescimento real da arrecadação foi de 8,8%, a R$ 2,008 trilhões, melhor desempenho para o período desde 2000.