IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Airbus entregou apenas 127 aviões no 1º tri, dizem fontes

07/04/2023 12h13

Por Tim Hepher

PARIS (Reuters) - As entregas da Airbus caíram 11% chegando a 127 jatos no primeiro trimestre, o que reforça a pressão nas cadeias de suprimentos globais e abre caminho para um sprint de 12 semanas para estabilizar as metas da empresa até metade do ano, disseram fontes da indústria.

As entregas caíram 11% em relação às 142 entregas de aeronaves no mesmo período do ano passado, ou 9% na comparação com um total ajustado de 140 entregas. No ano passado a companhia recuperou duas aeronaves como resultado das sanções do Ocidente à Rússia.

A Airbus comercializou 11 jatos de fuselagem larga, incluindo 5 A350s no primeiro trimestre de 2023, 10 jatos pequenos A220 e 106 de suas aeronaves da família A320neo, a categoria mais vendida, disseram as fontes.

A Airbus se recusou a comentar antes da divulgação do balanço prevista para 11 de abril, quando a rival Boeing também deve anunciar seus resultados.

Depois de começar o ano com uma queda de um terço nas entregas em janeiro, a Airbus reduziu o déficit acumulado ano a ano para 11% em março, vindo de 16% no mês anterior.

Mas as intenções de conseguir entregas na casa dos 130 aviões no primeiro trimestre foram prejudicadas por problemas contínuos na indústria e na cadeia de suprimentos que mais recentemente afetaram as cabines premium de fuselagem larga, disseram as fontes, falando sob condição de anonimato.

(Reportagem de Tim Hepher)