Presidente da Câmara dos EUA defende acordo bipartidário sobre gastos

WASHINGTON (Reuters) - O presidente republicano da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Mike Johnson, disse nesta sexta-feira que mantinha o apoio de um acordo de gastos de 1,59 trilhão de dólares com o líder democrata da Maioria no Senado, Chuck Schumer, um acordo ao qual alguns republicanos radicais da Câmara manifestaram oposição.

"Nosso acordo de princípio permanece. Estamos preparando nossos próximos passos e estamos trabalhando para um processo robusto de apropriações", disse Johnson, referindo-se ao acordo fechado no domingo.

Resta pouco tempo para aprovar a medida.

Na quinta-feira, Schumer deu o primeiro passo processual para aprovar um projeto de financiamento provisório, conhecido como "resolução contínua" ou "CR", no Senado no início da próxima semana, para dar aos parlamentares mais tempo para aprovar o projeto de lei do ano inteiro.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes