Banco de desenvolvimento CAF emite US$1,75 bi em bônus

CARACAS (Reuters) - O Banco de Desenvolvimento da América Latina e Caribe (CAF) informou na quarta-feira que fez sua primeira emissão de dívida em 2024, de 1,75 bilhão de dólares.

Os bônus têm um prazo de cinco anos e cupom de 5%, e é a segunda emissão com um valor semelhante nos últimos três meses, acrescentou em um comunicado.

"Uma emissão muito bem-sucedida em dólares para marcar o início do CAF nos mercados de capitais em 2024, levantando o maior apetite na história do banco", disse o vice-presidente financeiro do CAF, Gabriel Felpeto.

A demanda foi de 6,4 bilhões de dólares e contou com a participação de mais de 150 investidores, acrescentou a instituição.

Os subscritores foram o Barclays Bank PLC, o Citigroup Global Markets Limited, o J.P. Morgan Securities PLC e o Nomura International PLC.

O CAF, sediado em Caracas, é um importante financiador de projetos de infraestrutura e desenvolvimento na região. É formado por 20 países da América Latina e do Caribe, bem como pela Espanha, Portugal e 13 bancos privados latino-americanos.

(Reportagem de Deisy Buitrago)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes