Bolsas

Câmbio

Odebrecht Peru promete cooperação irrestrita com a Justiça

A Odebrecht Peru informou, por meio de comunicado, que está fazendo "todo o possível para expor e esclarecer detalhadamente todos os fatos para que a Justiça chegue a todos os envolvidos, permitindo também o pagamento de justa reparação ao Estado peruano".

Para tanto, a companhia diz ter assumido o compromisso formal de cooperação irrestrita com as investigações, seguindo o modelo adotado no Brasil e nos Estados Unidos, onde mantém suas atividades. A Odebrecht destaca ainda a determinação em busca de alternativas para que os projetos em andamento "sigam adiante".

Ontem terminou o prazo para que o consórcio do Gasoduto Sur Peruano apresentasse garantia de financiamento do projeto, ativo do qual a Odebrecht tem 55%. Como a empresa não conseguiu o aval dos bancos, o governo peruano comunicou a rescisão do contrato.

Hoje pela manhã o presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, defendeu que o governo "salvaguardou os interesses do Peru" ao aplicar a penalidade de US$ 262 milhões ao consórcio, por não ter demonstrado contar com o financiamento necessário para a realização da obra. A autoridade reforçou ainda o compromisso do governo com o projeto e com sua entrega dentro dos prazos previstos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos