Bolsas

Câmbio

Dólar tem viés de alta no início da sessão e segue próximo de R$ 3,10

O mercado de câmbio brasileiro inicia os negócios desta quarta-feira em linha com outros emergentes. O dólar opera em alta diante de um ambiente de cautela internacional com as incertezas políticas nos Estados Unidos. O avanço, entretanto, é contido. No Brasil, a divisa segue próxima do nível de R$ 3,10 e pode ensaiar uma nova queda.


Por volta das 9h30, o dólar comercial subia 0,29%, cotado a R$ 3,1045.O contrato futuro para junho, por sua vez, tinha elevação de 0,14%, a R$ 3,1120.


Até ontem, o dólar acumula seis sessões seguidas de baixa ante o real. Os agentes financeiros vislumbram níveis ainda mais baixos para a moeda americana. A percepção é de que há ambiente favorável para os ativos brasileiros, diante das apostas de intensificação do ritmo de corte da Selic e aumento da confiança na aprovação da reforma da Previdência.


O cenário de exportações também é frequentemente citado como fator de queda da moeda.


Por outro lado, não são descartados alguns ajustes na tendência do dólar de curto prazo. A informação de que o presidente do EUA, Donald Trump teria pedido ao diretor demitido do FBI, James Comey, suspensão da investigação sobre as relações do então assessor de Segurança Nacional, Michael Flynn, com a Rússia (caso relatado por Comey em memorando feito em fevereiro, pouco depois que Flynn foi afastado do governo). Se confirmado, esse fato indicaria clara obstrução da Justiça por Trump o que, no limite, poderia culminar em um processo de impeachment. A Casa Branca negou.


A cena política americana deixa os investidores na defensiva. Por outro lado, gera dúvidas sobre a capacidade de Trump de avançar com sua agenda econômica, o que nos últimos dias vinha tirando força do dólar e ajudando as divisas de emergentes.


Na renda fixa, o DI janeiro de 2021 tinha leve alta a 9,550%, ante 9,510% no ajuste anterior.


Já o DI janeiro de 2018 operava a 8,965%, ante 8,970% no ajuste anterior, e o DI janeiro de 2019 marca 8,810%, estável na mesma base de comparação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos