Cade aprova venda de ativos da Cemig para Taesa

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a venda das participações minoritárias detidas pela Cemig em três empresas concessionárias de transmissão de energia elétrica que atuam em Minas Gerais.


São participações nas Companhias Transleste de Transmissão, Transudeste de Transmissão e Transirapé de Transmissão. "A operação envolve a aquisição de ativos correspondentes às seguintes linhas de transmissão: (i) Montes Claros/Irapé (345 Kv); (ii) Itutinga/Juiz de Fora (345 Kv); e (iii) Irapé/Araçuaí (230 Kv)", explicou a autoridade antitruste em seu relatório sobre o caso.


O objetivo do negócio, prossegue o relatório, é "a concentração dos ativos de transmissão de energia elétrica em questão em uma única entidade empresarial, a Taesa". A autarquia concluiu pela inexistência de danos concorrenciais relevantes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos