PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Carla Araújo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Nogueira pede que Congresso e STF se manifestem sobre aumento a servidores

25.jan.2022 - O ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira - Adriano Machado/Reuters
25.jan.2022 - O ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira Imagem: Adriano Machado/Reuters
Carla Araújo

Jornalista formada em 2003 pela FIAM, com pós-graduação na Fundação Cásper Líbero e MBA em finanças, começou a carreira repórter de agronegócio e colaborou com revistas segmentadas. Na Agência Estado/Broadcast foi repórter de tempo real por dez anos em São Paulo e também em Brasília, desde 2015. Foi pelo grupo Estado que cobriu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Valor Econômico, acompanhou como setorista do Palácio do Planalto o fim do governo Michel Temer e a chegada de Jair Bolsonaro à Presidência.

11/05/2022 12h44

O ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, enviou um ofício aos presidentes da Câmara, Arthur Lira, do Senado, Rodrigo Pacheco, e do STF (Supremo Tribunal Federal), Luiz Fux, para que os Poderes se manifestem acerca da proposta de reajuste de 5% para os servidores.

A interlocutores, o ministro explicou que a medida é necessária porque a proposta de reajuste precisar ser de iniciativa de cada Poder.

Ciro cita no documento as restrições da lei eleitoral e as limitações no orçamento.

Segundo fontes do governo, a medida é protocolar e necessária, já que, para que haja remanejamento orçamentário, a demanda precisa partir do Congresso e do Judiciário.