Topo

Empregos e carreiras


Em busca de emprego? Veja lista de profissões que devem bombar em 2019

Getty Images
Imagem: Getty Images

Claudia Varella

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/01/2019 04h00

Com 12,2 milhões de desempregados no país, brasileiros esperam uma aceleração do crescimento econômico para aquecer o mercado de trabalho. Em 2019, cargos nas áreas de tecnologia, marketing e finanças devem seguir fortes, segundo a consultoria de recrutamento PageGroup Brasil, que listou 19 cargos que devem bombar neste ano (veja mais abaixo).

O levantamento considera cargos de média e alta gerência (gerentes e diretores) e de nível técnico e suporte à gestão (analistas, assistentes e coordenadores, por exemplo). De acordo com a consultoria, empregos da área de saúde aparecem em alta após três anos.

"[Em 2019] deveremos ter mais investimentos de capital estrangeiro, e, se tudo der certo, o mercado deverá ter novo fôlego para absorver pessoas que estavam desempregadas nos últimos meses ou até anos", afirmou Ricardo Basaglia, diretor-geral do PageGroup Brasil, responsável pelas marcas Michael Page e Page Personnel.

Segundo ele, ainda não há dados que apontem o crescimento de algum setor específico da economia neste ano, exceto o de tecnologia. "Tecnologia, no Brasil e no mundo, seguirá sempre forte. Nas outras áreas, o cenário ainda está muito diluído em necessidades estruturais de cada companhia."

Para elaborar a lista das profissões, a equipe de consultores entrevistou cerca de 6.000 profissionais no país. "O objetivo era entender quais são suas reais impressões sobre o mercado de trabalho e como enxergam sua carreira", disse Basaglia.

Veja a lista de cargos que deverão estar em alta em 2019, segundo pesquisa da PageGroup.

Cargos de alta e média gerência

Bancos e serviços financeiros

  • Cargo: gerente de parcerias e canais
  • Atuação: criar estratégias para atingir metas de produtos e serviços
  • Faixa salarial: de R$ 15 mil a R$ 20 mil
  • Motivo para alta em 2019: com a retomada de mercado, é essencial para as empresas criar parcerias rentáveis e de alto valor agregado

Financeiro e tributário

  • Cargo: gerente de planejamento financeiro
  • Atuação: fazer ou participar da criação do orçamento da empresa e das projeções de resultados (o quanto a companhia espera lucrar e quais itens devem passar por revisão de preços ou ajustes, por exemplo). Ele também é peça-chave para encontrar novos negócios
  • Faixa salarial: de R$ 14 mil a R$ 25 mil
  • Motivo para alta em 2019: em momento de retomada de mercado, esse profissional é estratégico na tomada de decisão e no relacionamento entre as áreas, visando o crescimento da empresa

Jurídico

  • Cargo: advogado especialista em contencioso (disputas jurídicas). 
  • Atuação: cuidar da parte processual para solucionar conflitos das companhias que envolvam produtos ou serviços disponíveis 
  • Faixa salarial: de R$ 13 mil a R$ 25 mil
  • Motivo para alta em 2019: em períodos de crise, aumenta a tendência de litígios nas empresas porque os problemas se acumulam (questões tributárias  e problemas na manutenção de contratos e acordos, por exemplo)
  • Cargo: advogado de compliance
  • Atuação: instituir normas de governança, definir limites para a conduta de profissionais e os procedimentos da empresa, aplicar normas instituídas por matriz estrangeira e fiscalizar operações políticas, fiscais ou morais de assuntos relacionados à empresa, entre outras funções
  • Faixa salarial: de R$ 25 mil a R$ 70 mil
  • Motivo para alta em 2019: em razão de investigações ocorridas nos últimos anos no Brasil, como a Lava Jato, as empresas se preparam para este novo cenário de governança mais rígida. Ética passou a ser um valor ainda mais requisitado pelas companhias

Marketing e digital

  • Cargo: gerente de marketing de performance
  • Atuação: direcionar o investimento da empresa ao melhor canal para seu negócio, baseando-se em resultados e nas ações de marketing de performance
  • Faixa salarial: de R$ 10 mil a R$ 15 mil
  • Motivo para alta em 2019: cada vez mais, empresas apontam o marketing com uma área estratégica e que controla o retorno de investimentos em diferentes mídias

Recursos humanos (RH)

  • Cargo: consultor interno de RH em nível sênior ("business partner") 
  • Atuação: analisar as decisões estratégicas na escolha dos profissionais e das melhores práticas de recursos humanos. Deve agir como uma espécie de conselheiro do executivo do RH para todos os temas referentes a negócios e pessoas
  • Faixa salarial: de R$ 25 mil a R$ 35 mil
  • Motivo para alta em 2019: com o mercado voltando a crescer, é a posição essencial para garantir que a empresa esteja seguindo as melhores estratégias quanto à gestão de pessoas

Saúde

  • Cargo: representante/gerente de vendas
  • Atuação: encontrar potenciais clientes e parceiros, gerar ações promocionais e realizar análise de concorrentes e estudo de mercado, entre outras funções.
  • Faixa salarial: de R$ 5.000 a R$ 8.000 (representante) e de R$ 16 mil a 25 mil (gerente de vendas)
  • Motivo para alta em 2019: empresas estarão focadas em traçar planos comerciais estratégicos para atingir metas e aumentar o resultado de vendas, com engajamento da equipe comercial
  • Cargo: gerente de qualidade
  • Atuação: implantar o sistema de Boas Práticas de Fabricação (BPF), que são normas que estabelecem os requisitos fundamentais que vão desde a instalação da indústria até a descrição dos procedimentos envolvidos no processamento do produto. O programa de BPF é submetido periodicamente à auditoria. Ele dará suporte ao departamento de Controle de Qualidade
  • Faixa salarial: de R$ 17 mil a R$ 25 mil, além de bônus anual
  • Motivo para alta em 2019: órgãos regulamentadores, como a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), estão cada vez mais exigentes e burocráticos para liberação de produtos e serviços. Portanto, é necessário ter o profissional neste cargo para controlar todos os processos de boas práticas de fabricação

Tecnologia da informação

  • Cargo: cientista/engenheiro de dados
  • Atuação: criar soluções complexas que envolvem captar, analisar e enxergar tendências em dados (informações) que impactem nos negócios e gerar/prever ondas de crescimento exponencial.
  • Faixa salarial: de R$ 9.000 a R$ 18 mil
  • Motivo para alta em 2019: após a onda de transformação digital no Brasil, em 2018, essa carreira entra de forma definitiva para a cultura do mercado. O cientista/engenheiro de dados faz parte de uma nova geração de profissionais analíticos crucial para o mercado
  • Cargo: desenvolvedor "back-end"
  • Atuação: dinamizar sites de diversas plataformas a partir de linguagens de programação e deixar as informações visíveis aos usuários
  • Faixa salarial: de R$ 7.000 a R$ 13 mil
  • Motivo para alta em 2019: as empresas de inovação (startups, fintechs, legaltechs e edutech, por exemplo) continuam em alta. São ligadas a todos os campos da tecnologia da informação
  • Cargo: desenvolvedor mobile
  • Atuação: programar/criar e reparar aplicativos para plataformas de celular/dispositivos móveis em suas diversas variáveis, incluindo o universo de games
  • Faixa salarial: de R$ 10 mil a R$ 17 mil
  • Motivo para alta em 2019: serviços do mundo analógico (realidade física) estãom de forma geral, migrando para o campo digital. Surge, portanto, a importância de disponibilizar essas informações em formato móvel, simples e seguro para os usuários 

Vendas

  • Cargo: gerente comercial (canal indireto)
  • Atuação: qualificar e gerir relacionamento, margem e volume de vendas indiretas para distribuidores ou revendas
  • Faixa salarial: de R$ 15 mil a R$ 25 mil (+ bônus e/ou comissões)
  • Motivo para alta em 2019: O modelo de vendas indiretas permite maior capilaridade e penetração em diferentes clientes/regiões. É um modelo com custos fixos menores, mas com campo de venda positivo. Essa posição vem crescendo nos mercados de tecnologia e bens de consumo
  • Cargo: gerente de desenvolvimento de negócios
  • Atuação: definir a política e s estratégia de execução com foco em buscar novas frentes de negócio, prospectar clientes e gerar novas oportunidades
  • Faixa salarial: de R$ 12 mil a R$ 18 mil (+ bônus e/ou comissões)
  • Motivo para alta em 2019: a área comercial é um dos principais gatilhos em momentos de retomada e crescimento devido ao foco em aumentar participação de mercado e faturamento. Os setores de serviços e indústria vêm demandando este perfil com mais frequência

Cargos de nível técnico e suporte à gestão

Finanças

  • Cargo: analista de controladoria sênior
  • Atuação: avaliar o cenário financeiro atual da empresa utilizando embasamento contábil para analisar/construir Demonstrativo de Resultados do Exercício e o Demonstrativo de Resultados do Exercício
  • Faixa salarial: de R$ 7.000 a R$ 10 mil
  • Motivo para alta em 2019: as empresas de matriz internacional irão precisar em 2019 de uma controladoria para fundamentar as tomadas de decisão dos seus agentes

Marketing e negócios - serviços financeiros

  • Cargo: analista de produtos
  • Atuação: desenvolver ou melhorar algum produto oferecido pela empresa para o cliente final
  • Faixa salarial: de R$ 8.000 a R$ 12 mil
  • Motivo para alta em 2019: as empresas estão em busca de candidatos com experiência em produtos diferenciados, seja em bancos ou em empresas de tecnologia 

Negócios/vendas - serviços financeiros

  • Cargo: consultor de investimentos
  • Atuação: gerenciar uma carteira de investimentos
  • Faixa salarial: fixo a partir de R$ 8.000
  • Motivo para alta em 2019: Por causa do acesso livre de todo tipo de investidor (de média ou alta renda) a uma cultura de investimento, tem aumentado a procura por profissionais que realmente sabem o que dizer e como direcionar pessoas para investir. Profissionais com uma carteira de clientes fiéis e que sabem investir podem crescer na carreira

Recursos humanos

  • Cargo: especialista em remuneração
  • Atuação: criar e atualizar faixas salariais de diferentes níveis hierárquicos da companhia e validar prática de concorrentes e outros mercados
  • Faixa salarial: de R$ 9.000 a R$ 12 mil
  • Motivo para alta em 2019: Área fundamental para engajar profissionais e tornar a companhia competitiva neste movimento de aquecimento de mercado. Hoje, o RH precisa não apenas atrair talentos, mas sobretudo contribuir para a companhia não perdê-los

Secretariado/administração

  • Cargo: gerente ("office manager")
  • Atuação: gerenciar insumos, reparos/reformas nos escritórios da companhia, além de administrar pagamentos e gestão de fornecedores e terceiros
  • Faixa salarial: de R$ 10 mil a R$ 14 mil
  • Motivo para alta em 2019: as empresas precisarão de foco em custo-benefício de seus recursos operacionais em gestão de pessoas (copa, limpeza, recepção) e em infraestrutura (ar-condicionado, tecnologia). A falta de um profissional dedicado a este papel impacta diretamente no funcionamento do escritório

Tributário

  • Cargo: especialista tributário
  • Atuação: apurar impostos diretos e indiretos, atender a auditoria e fazer o planejamento tributário da empresa para recuperação de crédito
  • Faixa salarial: de R$ 9.000 a R$ 15 mil
  • Motivo para alta em 2019: o cenário pós-crise está forçando as empresas a reestruturar área tributária para que consigam planejar 2019 em um novo momento de expansão da economia

Aumenta a procura de profissionais no mercado pet

Band Notí­cias

Mais Empregos e carreiras