PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Empregos e carreiras


Empresa abre vagas e dá R$ 20 a candidatos para bancar ida à entrevista

Os empresários Diogo Petri e Agnes Cristina - Arquivo pessoal
Os empresários Diogo Petri e Agnes Cristina Imagem: Arquivo pessoal

Bruna Alves

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/01/2020 15h34

Resumo da notícia

  • Metade dos candidatos faltava à entrevista de emprego mesmo depois de confirmar presença
  • Casal de empresários concluiu que o motivo podia ser o custo do transporte
  • Desde outubro, deram R$ 1.000 a 50 candidatos para ajudar na passagem
  • Empresa diz que índice de comparecimento subiu para 70%

Ser chamado para uma entrevista de emprego é fonte de esperança para muitos brasileiros que estão fora do mercado de trabalho. Mas e se você perder a oportunidade porque não tem dinheiro para a passagem de ônibus?

Uma empresa de São Paulo desconfiou que era essa a razão para que muitos candidatos faltassem ao encontro, mesmo tendo confirmado presença. Decidiu, então, oferecer uma ajuda de custo de R$ 20 a todos que são chamados para uma entrevista, no ano passado.

Com 15 funcionários, a companhia não tem processo seletivo aberto no momento, mas diz que prevê crescimento de pelo menos 50% em 2020 e poderá abrir novas vagas.

R$ 1.000 a 50 candidatos

No final do ano passado, a empresa do casal Diogo Petri e Agnes Cristina abriu seis vagas nas áreas de atendimento, vendas e expedição da sua empresa. Após uma pré-seleção, a CatMyPet, um e-commerce e atacado de produtos para gatos, chamou candidatos para uma entrevista presencial. Mas metade deles não compareceu, apesar de ter confirmado presença.

Intrigados, os dois chegaram à conclusão de que as faltas poderiam estar relacionadas ao custo do transporte e resolveram fazer um teste. Agnes conta que, depois de entrevistar uma candidata, ofereceu a ela R$ 10. A empresária diz ter ficado comovida com a reação de gratidão da mulher.

Montagem com o bilhete entregue aos candidatos - Reprodução
Montagem com o bilhete entregue aos candidatos
Imagem: Reprodução

Desde então, todos os candidatos chamados para a entrevista são informados, por telefone, de que vão receber ajuda de custo de R$ 20 ao final do encontro.

Depois disso, o casal disse que a presença nas entrevistas finais subiu para 70%. De outubro para cá, 50 pessoas receberam um total de R$ 1.000.

Agnes diz acreditar que, apesar de, na época anterior à ajuda, nenhum candidato ter dito claramente o motivo da ausência na entrevista, o aumento na presença reforça a tese de que o principal problema era a falta de dinheiro para o transporte.

Pessoas que entrevistamos disseram: 'se você não tivesse me ajudado, eu não teria dinheiro para ir. As que faltaram não mencionaram essa questão do transporte ao telefone. Acho que elas tinham vergonha.
Agnes Cristina, empresária

Segundo os empresários, candidatos a cargos mais altos recusaram a ajuda de custo, e o valor foi revertido para ONGs (organizações não governamentais) parceiras. Mas alguns desses candidatos relataram também precisar da ajuda.

"Teve um candidato que veio bem-apresentado, de roupa social, sapato e tudo. Fizemos a entrevista normalmente e, ao final, entregamos o envelope. Expliquei que era uma ajuda de custo que damos para os candidatos, e ele colocou a mão nos olhos e começou a chorar. Ficou uns dez segundos sem falar. Depois, disse que antes só tinha o dinheiro para a passagem de ida à entrevista, não tinha para a volta. Isso emocionou muito a gente", contou Petri. Segundo ele, o candidato foi contratado.

Redução de faltas gera economia à empresa

Para Agnes, a política de ajuda de custo é vantajosa para a empresa, não só para os candidatos.

"Fizemos as contas e vimos que valeria muito a pena. Com 50% de faltas, os gestores ficavam parados esperando a pessoa, sem poder fazer nada. Depois, tinham que ligar para outro candidato, o que também gerava muito custo", disse. "Então achamos que esse investimento é compensado pelo tempo poupado dos gestores."

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Veja 3 novas regras do FGTS

UOL Notícias

Empregos e carreiras