Topo

Finanças pessoais

Guias financeiros

Como aplicar dinheiro em LCA e LCI

Shutterstock
Imagem: Shutterstock

07/10/2016 20h42

As LCIs (Letras de Crédito Imobiliário) e as LCAs (Letras de Crédito do Agronegócio) são títulos de renda fixa emitidos por bancos. Eles podem ser oferecidos pelos próprios bancos emissores ou em plataformas de investimento de corretoras.

A LCI é lastreada em empréstimos imobiliários, como o financiamento à casa própria. Já a LCA é emitida com base em empréstimos concedidos pelo banco a produtores rurais.

Para iniciar o investimento, é necessário procurar um banco ou uma corretora. Os valores mínimos que devem ser investidos variam de acordo com a instituição financeira.

Rendimento

As LCIs e LCAs podem ter rendimento pré ou pós-fixado. 

Nos títulos prefixados, a taxa de juros a ser paga é conhecida no momento da aplicação. O investidor consegue calcular quanto irá ganhar na data de vencimento do título.

Nos pós-fixados, o rendimento do título é indexado a algum índice, sendo o mais comum o CDI. Por isso, não é possível determinar previamente o retorno exato do investimento.

Do ponto de vista do investidor, tanto faz investir em uma LCI ou em uma LCA. Procure sempre o papel mais rentável e que esteja de acordo com o prazo desejado para o investimento.

Imposto de Renda

As LCIs e LCAs são isentas de Imposto de Renda para os investidores pessoas físicas. 

Riscos

Investir em uma LCAs ou LCIs é como emprestar dinheiro para o banco em troca de uma taxa de juros (o rendimento do título). Caso o banco quebre, o investidor corre o risco de não receber o dinheiro.

Porém, investimentos em LCIs e LCAs no montante de até R$ 250 mil por banco contam com a garantia do FGC (Fundo Garantidor de Créditos).

Há também o risco de perder dinheiro devido à variação do índice de referência do ivestimento, no caso dos títulos pós-fixados.

Garantia

As LCIs e LCAs contam com a garantia do FGC (Fundo Garantidor de Créditos) para investimentos de até R$ 1 milhão por CPF e de até R$ 250 mil por instituição (um mesmo investidor pode ter aplicações em diferentes bancos).

Prazo para tirar o dinheiro

As LCIs e LCAs não têm liquidez, ou seja, só é possível retirar o dinheiro no vencimento do título. Há opções de títulos com prazos de vencimento que variam de 90 dias a alguns anos.

Consulte o prazo de vencimento antes de realizar a aplicação porque você não poderá contar com o dinheiro antes dessa data.

Fontes

  • Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais)
  • Banco Central
  • Cetip
  • CVM (Comissão de Valores Mobiliários)
  • Alexandre Cabral, professor de Finanças do Instituto de Administração (FIA)

Mais Guias financeiros