Imposto de Renda 2024: Como saber se caí na malha fina?

Para saber se caiu na malha fina do Imposto de Renda 2024, é preciso consultar a situação da sua declaração no e-CAC (Centro de Atendimento Virtual). Além do status, o site da Receita Federal também informa qual é a pendência da sua declaração.

UOL consultou Ana Whitaker Piza, especialista em consultoria tributária estratégica, Wesley Santiago, especialista em tributos e impostos da Macro Contabilidade e Consultoria, e Beatriz Lameira Carrico Nimer, doutora em Direito do Estado pela USP e professora na PUC/SP e na EPD.

O que é malha fina?

É uma análise mais profunda feita pela Receita Federal das declarações que apresentaram divergências de informações.

Quando você envia a sua declaração de Imposto de Renda, ela passa pelos sistemas da Receita Federal, onde as informações declaradas são verificadas e comparadas com os dados fornecidos por outras pessoas e empresas.

Se for encontrada alguma diferença entre as informações apresentadas, a sua declaração será retida. Ou seja, estará na malha fina.

Importante lembrar que você não receberá a restituição enquanto a sua declaração estiver na malha fina.

Passo a passo para saber se caiu na malha fina:

  • Acesse o e-CAC (Centro de Atendimento Virtual)
  • Faça o login
  • Selecione a opção "Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF)"
  • Na aba "processamento", escolha o item "pendências de malha"
Continua após a publicidade

Nessa página, é possível ver se você caiu na malha fina e qual o motivo para sua declaração ter sido retida.

Caso a declaração tenha apenas erro no preenchimento ou falta de informação, basta enviar uma declaração retificadora.

Em alguns casos, o contribuinte recebe um termo de intimação fiscal, que significa que ele vai precisar apresentar documentos para comprovar as informações enviadas na declaração.

Erros mais comuns para cair na malha fina

De acordo com a Receita Federal, os erros mais comuns na declaração são:

  • Omissão de rendimentos: o contribuinte não declara, ou informa parcialmente, os seus ganhos e de seus dependentes do ano anterior.
  • Despesas médicas: o erro é causado pela não confirmação das informações pela parte recebedora. Ou seja, o contribuinte declarou que teve uma despesa médica, mas quem recebeu não confirma o valor.
  • Divergência sobre imposto retido: quando o contribuinte informa um imposto retido na fonte que é diferente do informado por quem fez a retenção do valor.

Deixe seu comentário

Só para assinantes