IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

Em quanto tempo seu dinheiro dobra nos investimentos mais seguros do país?

Veja quanto o seu dinheiro rende na poupança e no Tesouro Direto - iStock/fizkes
Veja quanto o seu dinheiro rende na poupança e no Tesouro Direto Imagem: iStock/fizkes

03/05/2023 04h00

Quanto tempo o seu dinheiro demora para dobrar se você deixá-lo aplicado nos investimentos mais seguros do país?

Na coluna de hoje eu trago simulações que respondem essa pergunta, já descontando o Imposto de Renda. Analisei a poupança e diversos títulos do Tesouro Público.

Tempo necessário para o dinheiro dobrar

Os investimentos mais seguros do país para pessoas físicas são os títulos do Tesouro Direto. A poupança, teoricamente, é um pouco menos segura, mas resolvi colocar na simulação para efeitos de comparação, já que muita gente coloca o dinheiro lá.

A lista abaixo mostra o tempo necessário para o seu dinheiro dobrar em diferentes aplicações financeiras, considerando as taxas atuais de rentabilidade:

  • Poupança: 8 anos e 9 meses
  • Tesouro IPCA: 7 anos e 7 meses
  • Tesouro Prefixado: 7 anos
  • Tesouro Selic: 6 anos e 3 meses

Aplicando na poupança, por exemplo, você precisaria esperar oito anos e nove meses para o seu patrimônio dobrar.

Entenda a diferença entre os investimentos

Não veja essa lista como um ranking. Não é porque o Tesouro Selic apresenta menor tempo para dobrar o dinheiro que é, necessariamente, o melhor investimento entre eles. Veja as explicações sobre cada um dos investimentos listados:

Tesouro Selic: O Tesouro Selic tem esse nome porque acompanha a taxa básica de juros, a Selic, que hoje está em 13,75% ao ano. No entanto, analistas consultados pelo Banco Central acreditam que a Selic cairá aos poucos nos próximos anos, chegando a 8,75% ao ano em 2026. Com isso, a rentabilidade do Tesouro Selic cairia na mesma proporção.

Tesouro Prefixado: Entre os investimentos listados, o único 100% previsível é o Tesouro Prefixado. Como o próprio nome diz, a rentabilidade dele é fixa. Não importa o que aconteça com a taxa Selic ou com qualquer outro indicador financeiro, ele renderá, até a data de vencimento, a rentabilidade que estava prevista quando você fez a aplicação. No momento, o Tesouro Prefixado com vencimento em 2029 está com uma rentabilidade de 12,25% ao ano.

Tesouro IPCA+: O Tesouro IPCA+ é um título que rende a inflação e mais uma taxa. Por exemplo, atualmente o Tesouro IPCA+ 2045 está rendendo a inflação mais 6,03%. Nas contas acima, considerei que a inflação fique em 5% ao ano, em média. Mas, se ficar acima ou abaixo disso, a rentabilidade desse título vai aumentar ou diminuir na mesma proporção.

Poupança: Entre os investimentos seguros, a poupança é, de longe, o menos rentável. E, teoricamente, nem é tão segura quanto o Tesouro Direto. Repare que, na poupança, o seu dinheiro levaria dois anos e meio a mais do que no Tesouro Selic para dobrar.

A inflação muda tudo

Quando a gente coloca a inflação na conta, os dados mudam completamente. É verdade que em sete anos o seu dinheiro vai dobrar se você deixá-lo no Tesouro Prefixado, por exemplo, conforme as simulações acima.

No entanto, os preços dos bens e serviços que você paga, como o aluguel, a gasolina, os produtos do supermercado e outros, também vão subir no período. Se a inflação ficar em 5% ao ano, daqui a sete anos os preços estarão 40% mais caros.

Vamos então refazer as contas. Com uma inflação de 5% ao ano, em quanto tempo o seu investimento dobraria em termos reais, ou seja, em quanto tempo ele teria o poder de comprar o dobro de coisas que compra hoje? Veja abaixo:

  • Poupança: 22 anos e 5 meses
  • Tesouro Prefixado: 13 anos e 8 meses
  • Tesouro IPCA: 16 anos e 1 mês
  • Tesouro Selic: 11 anos

Veja como aumentou significativamente a diferença entre a poupança e os títulos do Tesouro. Basicamente, se você ficar na poupança, levará uma década a mais para ver o poder de compra do seu dinheiro dobrar.

A grande diferença se dá porque a poupança, atualmente, quase não tem rentabilidade real, ou seja, o seu rendimento é pouca coisa superior à inflação.

Para quem investe a longo prazo (por exemplo, para aposentadoria), só a segunda lista importa. Caso você ainda esteja com dinheiro na poupança, saiba que, quanto mais tempo ele fica lá, mais chances você perde de ter uma boa aposentadoria.

Alguma dúvida?

Tendo alguma dúvida sobre investimentos, me siga no Instagram e envie uma mensagem por lá. Sua pergunta poderá ser respondida em breve nesta coluna.

Renda passiva

Quer saber mais sobre investimentos? O Papo com Especialista terá um grande aulão sobre investimentos inteligentes para quem está começando, a partir do dia 20 de abril. Vamos falar sobre tudo o que você precisa saber para conseguir viver com uma renda dos seus investimentos e ter sempre um dinheiro pingando na sua conta.

Serão quatro aulas, em que vamos tratar de ações que pagam dividendos, fundos imobiliários, títulos de renda fixa e fundos de investimentos. A primeira aula já está no ar.

As aulas vão poder ser assistidas ao vivo, toda quinta-feira das 16h às 16h40. Assinantes podem reassistir às aulas quantas vezes quiserem. Ao final, os assinantes UOL vão ganhar guia exclusivo sobre como ter renda com seus investimentos. Assine aqui e participe!

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.