Bolsas

Câmbio

Diamante bruto de 813 quilates é leiloado por US$ 63 milhões

  • Divulgação

Estocolmo, 9 Mai 2016 (AFP) - A empresa de mineração canadense Lucara Diamond anunciou nesta segunda-feira (9) que vendeu ao preço de US$ 63,1 milhões um diamante bruto de 813 quilates.

Em comunicado, a empresa afirma que nunca um diamante bruto havia alcançado um preço tão elevado.

O nome do comprador da pedra, encontrada em Botsuana e batizada de "A constelação", não foi divulgado, nem as condições da venda realizada pela empresa Nemesis International.

A Lucara pretende vender, em 29 de junho, um diamante de 1.109 quilates em um leilão organizado em Londres pela Sotheby's.

Esse outro diamante bruto, denominado "Lesedi La Rona", foi descoberto em novembro na mesma mina de Karowe, em Botsuana. É o maior desde o Cullinan, um diamante de 3.106 quilates encontrado na África do Sul em 1905.

Em outubro do ano passado, o magnata da construção de Hong Kong Joseph Lau pagou US$ 48,5 milhões pelo "Blue Moon", um diamante azul de 12,03 quilates, em outra venda organizada pela Sotheby's.

Leilão de produtos apreendidos em aeroporto é aberto à pessoas físicas

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos