ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 1.Ago.2018
Topo

Grupo Prisa, editor do El País, registra prejuízo em 2017

28/02/2018 19h36

Madri, 28 Fev 2018 (AFP) - O Prisa, principal grupo de mídia espanhol e editor do jornal El País, sofreu prejuízo de 102,9 milhões de euros (125,7 milhões de dólares) em 2017 e fechou o segundo ano seguido no vermelho.

A gigante da mídia, que publica o El País desde 1976, explicou que as perdas se devem a "reduções em diversos ativos" do grupo, sem dar detalhes.

O faturamento também sofreu uma queda de 1,2%, a 1,170 bilhão de euros. Já o superávit operacional bruto aumentou 0,5%, a 207 milhões de euros.

Os negócios no setor educacional continuaram a ter grande peso no grupo, graças aos bons resultados da editora de livros Santillana, muito popular na Espanha e na América Latina e líder em quase todos os países onde opera.

A Santillana teve faturamento de 656 milhões de euros, alta de 3,7% em relação a 2016.

Na imprensa, a receita caiu 8,1% (de 239,9 a 220 milhões de euros), apesar de o El País continuar sendo líder de participação de mercado (41%) na Espanha, à frente de El Mundo e dos jornais ABC e La Razón.

El País continua a ganhar terreno nos meios digitais, com 108 milhões de visitantes únicos em dezembro passado, tornando-se o maior site de notícias em espanhol e o décimo em nível mundial.

O Prisa comemorou o aumento de 46% de suas receitas com publicidade procedentes de meios digitais.

Mais Economia