PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Rússia bombardeia refinaria de petróleo no leste da Ucrânia

Fumaça sobe de uma refinaria de petróleo em Lysychansk, a cerca de 120 km ao norte de Donetsk, em 16 de abril de 2022. - RONALDO SCHEMIDT/AFP
Fumaça sobe de uma refinaria de petróleo em Lysychansk, a cerca de 120 km ao norte de Donetsk, em 16 de abril de 2022. Imagem: RONALDO SCHEMIDT/AFP

16/04/2022 14h25

As forças russas bombardearam neste sábado uma refinaria de petróleo em Lisichansk, uma cidade localizada perto da linha de frente no leste da Ucrânia, informaram autoridades locais.

"De manhã, eles bombardearam a refinaria de petróleo, um incêndio começou, e ainda estão tentando extinguir o incêndio", disse o governador ucraniano da região de Luhansk, Serguii Gaidai, em sua conta no Telegram.

"Os russos a alvejam sistematicamente para esgotar os socorristas. Não há combustível lá. Apenas resíduos de petróleo são queimados", acrescentou.

A refinaria fica a cerca de quatro quilômetros a oeste da cidade de Lisichansk.

No final da tarde, jornalistas da AFP puderam observar uma longa coluna de fumaça preta e várias partes da refinaria ainda em chamas.

Às 15h30, horário local (9h30 em Brasília), os bombeiros ainda tentavam apagar o fogo.

A cidade de Lisichansk e a de Severodonetsk, bem ao lado, são alvos quase diários dos bombardeios russos, segundo jornalistas da AFP no local.

Severodononetsk está na linha de frente, cerca de 50 km a leste de Kramatorsk, capital de Donbass.

Cerca de 400 civis foram enterrados em Severodonetsk em covas individuais desde o início da guerra em 24 de fevereiro, anunciou o governador na terça-feira.

Na cidade de Lisichansk, em vez disso, "os mortos são enterrados em valas comuns", acrescentou.