Bolsas

Câmbio

Startups de tecnologia têm fatia menor de investimentos de risco

Julie Verhage

(Bloomberg) -- Venture capital está com mais dinheiro na mão para investir do que nunca, mas as empresas privadas de tecnologia estão recebendo uma fatia cada vez menor do bolo. "As empresas privadas de tecnologia continuam liderando o cenário global de investimento de capital de risco, mas outras áreas primárias, como saúde, consumo, finanças, indústria e energia, continuam ocupando aproximadamente 40 por cento do investimento de capital de risco", escreveram analistas do Goldman Sachs liderados por Heath Terry em nota a clientes.

O Goldman destaca que o dinheiro mantido em investimentos de baixo risco atingiu uma alta histórica, por isso as startups de tecnologia provavelmente não verão grandes declínios em dólares. Mas isso significa que algumas das outras áreas nas quais o Goldman se concentrará em uma nova série de relatórios sobre capital de risco, como saúde e finanças, poderão se beneficiar.

"Com US$ 64 bilhões em capital global levantados por fundos de capital de risco no ano passado e US$ 121 bilhões em reservas nos fundos de risco, estimamos que os níveis de atividade daqui para frente vão acelerar ainda mais", escreveram os analistas do Goldman Sachs, acrescentando que apenas no ano passado esses fundos captaram US$ 64 bilhões, contra US$ 55 bilhões no ano anterior. Isso ocorre apesar de as saídas, ou as formas de essas empresas resgatarem seus investimentos, terem caído 24 por cento em relação ao pico em 2014.

O que também está encolhendo é a fatia dos EUA nos investimentos globais de capital de risco. No fim de 2016, a Ásia teve uma participação de 38 por cento no cenário global de investimento de capital de risco, contra 11 por cento em 2013. Parte disso se deve ao tamanho médio maior dos acordos favorecidos na região Ásia-Pacífico. Startups como Didi Chuxing e Xiaomi captaram mais de US$ 1 bilhão em rodadas individuais.

"Enquanto os investimentos de capital de risco baseados na América do Norte continuam mantendo a participação majoritária do financiamento de capital de risco global total, a região Ásia-Pacífico ganhou uma fatia significativa em uma base anual desde 2012", disseram eles.

O próprio Goldman Sachs possui um braço de investimento que tem comprado ou investido em startups como Spotify, Pinterest, thredUP e a empresa de previdência privada Honest Dollar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos