Bolsas

Câmbio

Bitcoin sobe e defensores de atualização comemoram armistício

Yuji Nakamura e Lulu Yilun Chen

(Bloomberg) -- Os apoiadores do bitcoin comemoraram quando a comunidade de desenvolvedores adotou um novo mecanismo para melhorar o uso da moeda e permitir seu aumento de escala, dando mais confiança à moeda virtual e elevando os preços a um patamar quase recorde.

A comunidade, que se mostrava dividida em relação à melhor maneira de tornar a moeda criptografada mais administrável, aderiu a uma atualização de código conhecida como SegWit2x, que visa a aumentar a capacidade de transações da rede. A decisão impulsionou uma alta do preço do bitcoin em relação ao dólar. A moeda digital havia caído em relação ao pico registrado em junho devido à preocupação maior com seu futuro no que vinha sendo chamado de guerra civil.

"Estamos muito felizes por superar esse impasse", disse Andrew Lee, chefe da startup de compra de bitcoinspurse.io, cuja equipe comemorou com cerveja no escritório de São Francisco. A decisão abre "as portas para inovações muito aguardadas", disse ele.

Fãs do bitcoin em cidades como Nova York, São Francisco, Hong Kong e Tóquio se reuniram em bares e escritórios para festas improvisadas, enquanto outros usaram o Twitter e as redes sociais para comemorar a decisão e o aumento do preço.

O impasse surgiu por causa do limite aplicado ao tamanho dos blocos que respaldam a rede no início do bitcoin para evitar ataques hacker. À medida que a moeda virtual foi ganhando popularidade nos últimos nove anos, os tempos de transação e as taxas de processamento aumentaram, restringindo a capacidade da comunidade de processar pagamentos com a mesma eficiência de serviços como a Visa. Mineiros e desenvolvedores travavam há anos um debate acalorado a respeito de qual seria a melhor forma de atualizar o software, que culminou na briga recente.

Mais de 93 por cento dos mineiros que representam a espinha dorsal da rede de tokens digitais apoiava o BIP91, primeiro passo necessário para implementação do SegWit2x, segundo o Coin Dance, um website que monitora a adoção da moeda. Os mineiros de bitcoin são grupos independentes que verificam e processam as transações de bitcoins resolvendo problemas computacionais complexos para serem recompensados com taxas e com a geração de moedas digitais.

O SegWit2x é, em essência, um meio termo entre os dois lados concorrentes. Um dos lados propôs uma abordagem direta, buscando aumentar o tamanho do bloco. O outro, um grupo de desenvolvedores conhecido coletivamente como Core, pressionava por uma solução de longo prazo que transferisse parte dos dados para fora da rede principal, um esquema chamado de SegWit, que enfrentava a resistência dos mineiros porque poderia diminuir a influência deles. No fim, os mineiros concordaram em adotar o SegWit, mas também aumentaram o tamanho do bloco para 2 megabytes.

A atualização não é definitiva. O uso do BIP91 tem um período de carência de cerca de dois dias, durante o qual os mineiros se prepararão para ativar o software. A adoção plena do SegWit, na sequência, levará cerca de duas semanas. Os desenvolvedores ainda alertam sobre possíveis ataques hacker que poderiam prejudicar o processo.

--Com a colaboração de Justina Lee

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos