Bolsas

Câmbio

Opinião: Fabricantes suíças deveriam se preocupar com Apple Watch

Andrea Felsted

(Bloomberg) -- A recuperação da indústria de relógios suíços continua avançando.

As exportações de relógios suíços aumentaram 4,2 por cento em agosto, uma ligeira aceleração em relação a julho.

Mas o dado otimista traz um alerta, em particular para as fabricantes de relógios mais baratos.

O crescimento de agosto foi totalmente impulsionado pelos modelos mais caros: aqueles com preço de exportação de 3.000 francos suíços (US$ 3.085) ou mais.

A demanda no segmento de preços mais baixos continuou caindo e é provável que boa parte desse fenômeno se deva à ascensão dos relógios inteligentes.

Esta é uma má notícia para a Swatch, cujos produtos mais baratos competem diretamente com esse novo tipo de relógio. Cerca de dois terços das suas vendas são de produtos que custam menos de 1.000 francos, segundo a Exane BNP Paribas.

A empresa tem algumas marcas de alto padrão, como Breguet e Harry Winston, mas ainda assim sua exposição à camada inferior é significativa. A Swatch informou na semana passada que suas marcas de alto padrão registravam o melhor crescimento das vendas.

A Richemont, por outro lado, com marcas como Jaeger-LeCoultre e IWC, está mais exposta ao alto padrão. Apesar dos problemas enfrentados durante a crise do setor de luxo, essa exposição oferece uma proteção maior contra a ascensão dos relógios inteligentes.

O Gadfly argumenta desde janeiro de 2016 que as fabricantes de relógios suíças não devem ignorar -- e muito menos zombar de -- a nova geração de relógios.

Pelo menos algumas fabricantes reconheceram o apelo entre os consumidores e começaram a produzir seus próprios relógios inteligentes. A tecnologia digital está chegando à Montblanc, da Richemont, à Tag Heuer, da LVMH, e à Tissot, da Swatch.

O relógio da Apple talvez não tenha sido um sucesso instantâneo como, por exemplo, o iPhone, mas veio para ficar. Se realmente quiserem chamar a atenção da dourada geração Y, as fabricantes de relógios suíças precisam dar partida em seus cronômetros digitais.

*Esta coluna não reflete necessariamente a opinião da Bloomberg LP e de seus proprietários.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos