PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Canal do Panamá evidencia aumento do comércio mundial de GNL

Ryan Collins e Naureen S. Malik

19/04/2018 11h22

(Bloomberg) -- Três navios-tanques que transportavam gás natural liquefeito atravessaram o Canal do Panamá no mesmo dia, uma façanha antes inédita na nova hidrovia expandida, que destaca o crescente comércio mundial de gás.

Os três navios - Gaslog Hong Kong, Gaslog Gibraltar e Clean Ocean - entraram no canal de forma escalonada pelo lado do Pacífico na terça-feira e haviam finalizado a travessia na madrugada de quarta-feira, segundo dados de monitoramento de navios compilados pela Bloomberg. Um representante da autoridade do canal confirmou a movimentação dos navios.

As travessias ressaltam como o comércio de GNL aumentou em todo o mundo, à medida que novas instalações de exportação dos EUA à Austrália entram em atividade e compradores na Ásia aumentam a demanda pelo combustível. Desde que o canal completou uma expansão de US$ 5 bilhões há quase dois anos, traders e desenvolvedores do terminal têm observado de perto a capacidade da autoridade de acomodar o aumento no tráfego de navios.

O terminal Cove Point LNG, da Dominion Energy, - o segundo a enviar gás de xisto para o exterior - iniciou o serviço comercial nesta semana, cerca de dois anos depois de a Cheniere Energy ter aberto seu terminal Sabine Pass, em Louisiana. Até agora, Sabine Pass já despachou mais de 300 cargas para 26 países.

PUBLICIDADE